quarta, 01 de fevereiro de 2023
SIGA-NOS

Romances, ‘saidinhas’ e faculdade: relembre como foram os anos de Suzane von Richthofen na cadeia



Publicado em quinta-feira, janeiro 12, 2023 · Comentar 

Condenada por matar os pais, ela deixou a prisão em Tremembé, no interior de São Paulo, nesta quarta-feira (11) após a Justiça conceder progressão para o regime aberto.

Autora de um dos crimes mais famosos do país, Suzane von Richthofen foi solta no fim da tarde desta quarta-feira (11) depois de a Justiça conceder progressão para o regime aberto. Presa desde 2002 por matar os pais, ela cumpria pena há 20 anos em um presídio em Tremembé (SP).

Condenada a mais de 30 anos de prisão, Suzane precisou se acostumar com o fato de ter a rotina muito acompanhada por conta da repercussão do caso.

Ao longo dos 20 anos na Penitenciária Feminina Santa Maria Eufrásia Pelletier, várias situações envolvendo a presa chamaram a atenção. Entre elas, um romance na prisão, as ‘saidinhas’ temporárias e a vida acadêmica.

Confira abaixo como era a rotina de Suzane von Richthofen na prisão:

Rotina

Durante os dias na prisão, Suzane desenvolvia trabalhos de corte e costura e produzia artesanato em uma oficina da Fundação Prof. Dr. Manoel Pedro Pimentel (Funap). A atividade era diária, com jornada de seis a oito horas.

Ela fazia artesanato e produzia os uniformes dos presos e agentes penitenciários. Além de receber um salário, os dias trabalhados na oficina eram usados para “abater” a pena. Dessa forma, Richthofen conseguiu reduzir 1,8 mil dias da pena total que tem a cumprir. Com isso, a pena já havia sido reduzida de 39 anos e seis meses para 34 anos e 4 meses.

Comentários


SIGA-NOS

Todos os direitos reservados - Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio

Copyright © 2017 - ExpressoPB - CNPJ: 10.962.007/0001-48