domingo, 27 de novembro de 2022
SIGA-NOS

Motorista por aplicativo suspeito de envolvimento na morte de guarda civil do Conde é preso em Bayeux, PB



Publicado em quinta-feira, novembro 10, 2022 · Comentar 

Apesar das negativas do suspeito, as diligências complementares confirmaram que ele sabia de tudo, diz delegado.

O motorista de transporte por aplicativo que dava suporte aos assaltantes envolvidos na morte do chefe da guarda Civil do Conde, Sérgio Carneiro da Silva, foi preso na tarde desta quinta-feira (10) pela Delegacia de Crimes contra o Patrimônio, em Bayeux, região metropolitana de João Pessoa.

Rafael Dantas Venâncio havia sido preso em flagrante junto com o suspeito de executar o guarda civil Sérgio Carneiro, mas teve o direito à liberdade provisória concedido pela justiça.

De acordo com o delegado João Paulo Amazonas, da DCCPAT, apesar das negativas do suspeito, as diligências complementares confirmaram que Rafael sabia de tudo e que aquela não teria sido a primeira vez dele prestando suporte para os assaltantes.

O delegado solicitou a prisão preventiva pela gravidade do crime e o mandado de prisão expedido foi cumprido nesta quinta-feira (10) em Bayeux, em um dos endereços informados pelo homem, que não ofereceu resistência.

O suspeito será encaminhado para a carceragem da Central de Polícia em João Pessoa e poderá passar por audiência de custódia nesta sexta-feira (11).

Sérgio Carneiro da Silva, de 39 anos, foi morto após ser baleado no dia 19 de outubro, na orla do Cabo Branco, em João Pessoa. A vítima estava em um carro com uma colega da guarda municipal. Conforme a polícia, os suspeitos estavam em um carro esperando o momento para roubar algum veículo.

Da Redação
Com g1 PB

Comentários


SIGA-NOS

Todos os direitos reservados - Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio

Copyright © 2017 - ExpressoPB - CNPJ: 10.962.007/0001-48