sexta, 19 de outubro de 2018
SIGA-NOS

Balanço Policial: Prisões em Sapé e CG; assassinatos em Tacima, Alhandra e Baía da Traição nesta 2ª



Publicado em terça-feira, abril 19, 2016 · Comentar 

crimes-balançoA segunda-feira (18) foi de bastante movimentação policial em todo o estado da Paraíba, com registro de prisões, apreensões de armas, drogas e assassinatos em praticamente todas as regiões do estado.

Em Sapé, Zona da Mata da PB, um homem foi preso pela Polícia Militar por porte ilegal de arma de fogo próximo ao Sítio Açude do Mato, na zona rural daquele município. Após denúncias anônimas feitas pela população, o homem identificado como José Jorge de oliveira, de 42 anos, tinha várias denúncias contra este indivíduo, que estava efetuando disparos na localidade.

O acusado já respondeu por roubo e atualmente responde por homicídio.

Guarnição do Cap. Amorim, Ten. Lucenildo, Sgt. Adriano, Sd. Herculano e o Sd. Ferreira.

Em Campina Grande, policiais da Rádio Patrulha do 2º BPM (Batalhão de Polícia Militar) prenderam no bairro da Catingueira, dois homens com substância semelhante à maconha.

Os militares faziam rondas pelo bairro e alguns homens, ao avistarem a viatura, correram. Dois deles, A.V.S. e D.S.N., foram presos e com eles os policiais encontraram a droga.

Os dois foram levados para a Delegacia de Polícia Civil do bairro pela guarnição da Rádio Patrulha formada pelo Cb Lucena, Sd F Mathias e Sd Valdênio.

Em Tacima, curimataú paraibano, um ex-presidiário foi assassinado e o corpo encontrado às margens de um açude na referida localidade, por um vaqueiro.

De acordo com a perícia a vítima foi identificada como Rafael Pereira de Lima, 26 anos e que morava no sítio Fernandes. Ele foi assassinado com cerca de 6 disparos de arma de fogo, calibre 12.

Em Alhandra, Litoral Sul, um jovem de 21 anos, identificado como Aleff Henrique Gomes Alves, foi morto a tiros, em Mata Redonda, distrito da cidade.

O Samu ainda foi acionado pois a vitima ainda agonizava no meio da rua, quando moradores chegaram ao local, mas, ele não resistiu aos ferimentos e morreu na calçada. A equipe do Samu apenas constatou a morte e em seguida o Gemol foi acionado. Os tiros disparados pelos assassinos atingiram a cabeça.

Na Baía da Traição, Litoral Norte, um homem não identificado foi morto com tiros de pistola na cabeça e teve o corpo queimado na aldeia ‘Galego’. A Polícia Militar apura se a vítima é um proprietário de um lava a jato de Baía Formosa, no Litoral Sul do Rio Grande do Norte, na fronteira com a Paraíba, de onde ele foi sequestrado horas antes.

Segundo o sargento Mota, da PM de Mamanguape, que fica responsável pelas ocorrências da região, moradores relataram que um carro branco desconhecido passou pela aldeia onde houve o crime e, em seguida, ouviram os disparos.

Da Redação
Do ExpressoPB/Informações de Portais

Comentários


SIGA-NOS

Todos os direitos reservados - Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio

Copyright © 2017 - ExpressoPB - CNPJ: 10.962.007/0001-48