terça, 16 de outubro de 2018
SIGA-NOS

Calleri brilha de novo, São Paulo vence River em Morumbi lotado e fica a um empate das oitavas



Publicado em quinta-feira, abril 14, 2016 · Comentar 

BBrJilH.imgCom atuação defensiva segura na maior parte do tempo e espírito competitivo, o São Paulo segue mais vivo do que nunca na Libertadores de 2016.

Nesta quarta-feira, frente a um Morumbi lotado, a equipe paulista derrotou o River Plate-ARG por 2 a 1 pela quinta rodada da fase de grupos da competição continental. Os dois gols foram feito pelo argentino Jonathan Calleri, decisivo mais uma vez após marcar quatro na última semana, contra o Trujillanos-VEN. Alonso descontou.

A vitória alçou os comandados de Edgardo Bauza para a vice-liderança do grupo 1, com oito pontos. O River tem a mesma pontuação, mas leva vantagem no saldo de gols, o primeiro critério de desempate (+9 a +7).

Assim, o São Paulo fica a um empate da classificação para as oitavas de final. Na sexta e última rodada, a equipe enfrentará o The Strongest-BOL, terceiro com sete pontos e que foi derrotado pelo Trujillanos-VEN, lanterna da chave, na última terça-feira. O duelo será na quinta-feira, dia 21 de abril, no estádio Hernando Siles, a partir das 21h45 (de Brasília).

No mesmo dia e horário, o River receberá a equipe venezuelana no Monumental de Núñez.

Controle e gol de Calleri

Competitividade e boa postura defensiva. Duas boas características apresentadas pelo São Paulo na Argentina se fizeram presentes no Morumbi. Depois do River Plate-ARG começar a partida pressionando, o São Paulo, foi aos poucos, se soltando.

Sem dar espaços atrás – e sequer permitir que o adversário desse um chute a gol no primeiro tempo -, o time brasileiro abriu o placar aos 28 minutos. Bruno cruzou da direita para o centro da área. A bola bateu no peito de Calleri, rebateu nas costas de Ganso e sobrou para o argentino encher o pé: 1 a 0.

Calleri, de novo

O segundo tempo começou totalmente diferente. O River Plate-ARG começou pressionando e com a posse de bola. Chegou perto de marcar duas vezes em 10 minutos, com duas bolas levantadas na área – na melhor delas, Alario cabeceou para fora.

E, justamente no melhor momento do River no jogo, o São Paulo ampliou. Hudson escapou pela esquerda e sofreu a falta na lateral. Michel Bastos cobrou a falta para a área e Calleri, livre de marcação, cabeceou para fazer o segundo.

Foi o sétimo gol de Calleri na competição continental. O atacante é o artilheiro da Libertadores até aqui.

Calleri, de novo (2)

O argentine acabou como um dos personagens principais em um momento de maior tensão entre os jogadores de São Paulo e River. Bruno sofreu falta na direita e caiu no chão. Vangioni ainda chutou no corpo do brasileiro. E o tempo “fechou”.

Irritado, Calleri foi tirar satisfação com Vangioni e recebeu um tapa.O atacante levou um amarelo e o atleta do River foi expulso.

Mesmo com um menos, o River conseguiu descontar no fim, com Alonso de cabeça. O São Paulo, depois, teve João Schmidt expulso.

Da Redação
Com ESPN

Comentários


SIGA-NOS

Todos os direitos reservados - Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio

Copyright © 2017 - ExpressoPB - CNPJ: 10.962.007/0001-48