sexta, 07 de outubro de 2022
SIGA-NOS

Em entrevista, Emanuelle Chaves rebate ex-prefeito de Mari e restabelece a verdade sobre atendimento na Policlínica municipal



Publicado em quarta-feira, setembro 7, 2022 · Comentar 

Nesta segunda (5) a secretária de saúde Emanuelle Chaves, concedeu entrevista ao programa Liberdade de Expressão na Rádio Araçá FM, exercendo o direito de resposta ao ex-prefeito de Mari que, em entrevista ao mesmo programa na última sexta (2), afirmou que na quarta feira dia 31 de agosto uma paciente não foi atendida na Policlínica municipal porque não tinha médico e ambulância para transporte de pacientes.

Restabelecendo a verdade, a secretária de saúde Emanuelle Chaves esclareceu “Dr Wyron estava de plantão no dia citado e realizou 60 atendimentos. À noite em determinado momento, Dr Wyron solicitou o SAMU para transferência de uma paciente que estava convulsionando e o atendimento foi negado. Diante da negativa e já com uma paciente gestante em trabalho de parto na ambulância para ser transferida, Dr Wyron acomodou a paciente que estava convulsionando em outra ambulância e acompanhou a transferência das duas pacientes para João Pessoa. Percebemos na afirmação do ex-prefeito a nítida intenção de menosprezar a gestão da saúde municipal e restabeleço a verdade em respeito aos profissionais da saúde que estavam de plantão no cumprimento de suas funções”

Sobre a paciente citada pelo ex-prefeito, Emanuelle destaca que deveria ter sido informado pelo mesmo, que a paciente foi orientada pela equipe de enfermagem, recebeu atendimento no Hospital de referência de Mari em Sapé, realizou exame de Raio X e foi encaminhada para o Hospital de Trauma em João Pessoa

Emanuelle destacou que na gestão do ex-prefeito, na Policlínica não tinha médico plantonista fixo e certo nas terças e quartas feiras, não tinha aparelho de eletrocardiograma, monitor cardíaco, ventiladores mecânicos, enzima de testes para infarto e aparelhos automatizados no laboratório. Emanuelle afirmou que em sua gestão adquiriu todos esses equipamentos, humanizou os atendimentos, regularizou as equipes com plantão de 24 horas e os usuários passaram a contar com atendimento de 2 médicos plantonistas aos sábados e domingos, contribuindo para qualificar os atendimentos, salvar vidas e cuidar melhor das pessoas

Foto: Monitor cardíaco e Cardioversor

Emanuelle fez questão de lembrar o estado precário em que recebeu duas ambulâncias na transição da gestão, uma rodando e outra quebrada, e o absurdo de ser informada que um veículo Gol de cor branca estava substituindo a ambulância quebrada, que na época era chamada de “Cream Cracker”.

Emanuelle afirmou que o ex-prefeito faltou com a verdade quando disse que em sua gestão os usuários contavam com três ambulâncias, e apresentou um ofício da ex-secretária de saúde respondendo ao Ministério Público da Paraíba afirmando que o município de Mari dispunha de apenas 2 ambulâncias, mantendo o aluguel de uma outra para uso exclusivo na substituição quando uma das duas fosse para manutenção, deixando claro que os serviços eram prestados por apenas DUAS ambulâncias

“Hoje a realidade é bem diferente, a saúde de Mari conta com 2 ambulâncias adquiridas na gestão do prefeito Antônio Gomes, que vai entregar no aniversário da cidade a terceira ambulância que estará a serviço da população de Mari. Uma quarta ambulância deve chegar a Mari em breve, após análise do ministério, fruto de propositura do deputado federal Wellington Roberto que considero padrinho da saúde de Mari, contribuindo grandemente com emendas parlamentares para custeio e construção de novas unidades de saúde, ajudando a promover uma saúde de qualidade no município de Mari” ressaltou Emanuelle

Por Acyr Lessa
Assessoria de Comunicação – Secretaria Municipal de Saúde de Mari

Comentários


SIGA-NOS

Todos os direitos reservados - Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio

Copyright © 2017 - ExpressoPB - CNPJ: 10.962.007/0001-48