sexta, 12 de agosto de 2022
SIGA-NOS

Premiações, homenagens, apresentações juninas e exposição de 80 artistas marcam abertura do FIAN 2022



Publicado em sábado, maio 28, 2022 · Comentar 

O prefeito Marcus Diôgo participou da abertura do FIAN 2022, na noite desta quinta-feira (26.05). O Festival Internacional de Arte Naif em sua quarta edição abriu as portas de sua exposição em meio a uma solenidade repleta de premiações, homenagens e muita dança e música no centro da cidade. Tudo no maior clima de reencontro do público com os eventos culturais em praça pública após dois anos de restrição e isolamento causados pela pandemia da Covid-19.

Após uma calorosa recepção com direito a apresentação teatral da Cia. Cênica Torre de Papel seguido de um jantar, na noite anterior, os artistas que vieram de diversas regiões do país que foram selecionados para o FIAN através de suas obras se reencontraram na Câmara Municipal para o momento das premiações nas categorias Aquisição e Reconhecimento, conquistados por André Cunha (RJ) e Melhado (SP) – Aquisição; Cesar Lima (ES) e Zélia Lima (SP) – Reconhecimento. Todos receberam o Troféu Pavão Misterioso feito pelo artista Bejamin Carlos.

Também foram agraciados com o troféu os homenageados da noite, sendo eles o procurador do estado do Rio Grande do Norte Dr. Manoel Onofre, a museóloga Jacqueline Finkelstein, o diretor do Mini-Museu de Arte Naif (MIMAN) André Cunha, o diretor do Museu do Sol em Penápolis (SP) Beto Fernandes, a produtora cultural Rosana Diôgo e o artista plástico e um dos idealizadores do FIAN Adriano Dias. Tais troféus foram entregues, respectivamente, pelo prefeito Marcus Diogo, Adriano Dias, o vereador Raimundo Macedo, o diretor do Casarão da Cultura Percinaldo Toscano e pelo secretário de Cultura e Turismo Tarcísio Pereira.

Sem esconder a emoção, a deputada Camila Toscano prestou uma homenagem ao seu pai, o prefeito Zenóbio Toscano (In Memoriam), responsável por tornar real o FIAN, estando à frente das edições de 2018 e 2019. Camila lembrou do amor de Zenóbio pelas artes, visível desde a infância da deputada ao recordar a infinidade de quadros espalhados pela casa do pai, e o quão orgulhoso Zenóbio ficou ao realizar este evento, pois tornaria Guarabira a “capital da arte naif”, como bem reconheceu muitos artistas durante a solenidade e que também externaram gratidão a Zenóbio por esta iniciativa.

A edição 2022 do FIAN também presta homenagens póstumas ao fundador do antigo Museu Internacional de Arte Naif (MIAN) no Rio de Janeiro Lucien Finkelstein e a artista guarabirense Marby Silva.

Em seguida, todos se dirigiram até a Praça João Pessoa para conferir a apresentação da quadrilha junina Fazenda Nordestina, de Guarabira, e do grupo musical Bem Mais. Em meio às atrações o público entrou no Casarão da Cultura para apreciar a exposição de todos os 80 artistas envolvidos, ao som de Adriano do Sax.

Vale lembrar que o Fian 2022 integra as comemorações aos 100 anos da Semana de Arte Moderna e segue com sua exposição até o dia 30 de junho. Após essa data, a mostra percorrerá outras duas cidades brasileiras na sequência. Serão as cidades de Paraty (RJ) e Penápolis (SP). Ambas as cidades receberão as obras que sairão de Guarabira, no início de julho, numa parceria de itinerância para maior divulgação da arte naif por outros estados brasileiros.

Da Redação 
Com Codecom

Comentários


SIGA-NOS

Todos os direitos reservados - Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio

Copyright © 2017 - ExpressoPB - CNPJ: 10.962.007/0001-48