sábado, 03 de dezembro de 2022
SIGA-NOS

PoderData: 55% dos brasileiros não querem arma de fogo em casa



Publicado em segunda-feira, maio 2, 2022 · Comentar 

Os resultados da nova rodada da pesquisa PoderData, divulgada nesta segunda-feira 2, revelam que 55% dos brasileiros não querem ter armas de fogo em casa e só 32% não possuem, mas desejam ter o equipamento. Outros 10% dos entrevistados disseram que já possuem ao menos uma arma.

Os números do levantamento indicam que a aderência popular a uma das principais bandeiras do governo Bolsonaro é limitada, tendo oposição da maioria dos brasileiros. O cenário apontado mostra também uma realidade bem diferente do que espalha o ex-capitão em seus discursos a apoiadores, quando costuma afirmar que a maioria é favorável à sua política armamentista.

Assim como no âmbito eleitoral, Bolsonaro encontra sua maior oposição entre as mulheres, os mais pobres e os eleitores mais jovens, de 16 a 24 anos, que indicam em volume ainda maior não terem desejo pelo armamento em casa. Veja os resultados por segmento:

” alt=”” aria-hidden=”true” />

Vale ressaltar que o volume que deseja ter armas cresce significativamente quando o segmento analisado é aquele que marca a opção ‘ótimo’ ou ‘bom’ para se referir ao governo. Entre os apoiadores do ex-capitão, 51% dizem que desejam comprar uma arma, 19% marcam a opção ‘já tem arma em casa’ e só 24% indicam não ter desejo algum pelo equipamento.

O cenário se inverte entre aqueles eleitores que avaliam o governo Bolsonaro como ‘regular’ ou ‘ruim/péssimo’. Ao todo, entre aqueles que fazem uma avaliação mediana do presidente, 54% não desejam ter armas em casa, 33% dizem que gostariam de ter uma arma e 7% marcam a opção ‘já tem’. Para quem considera Bolsonaro ‘ruim’ ou ‘péssimo’, o grupo que não deseja armamentos sobe para 72%, outros 21% apontam desejo pelo equipamento e 5% marcam a opção ‘já tem’.

As 3 mil entrevistas foram realizadas entre os dias 24 e 26 de abril por telefone. A margem de erro da pesquisa é de 2 pontos percentuais e o nível de confiança é de 95%.

Da redação/ Com Carta Capital

Comentários


SIGA-NOS

Todos os direitos reservados - Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio

Copyright © 2017 - ExpressoPB - CNPJ: 10.962.007/0001-48