sábado, 03 de dezembro de 2022
SIGA-NOS

Idoso morre 17 dias após engasgar com espinha de peixe: ‘achou que estava bem’



Publicado em sábado, abril 16, 2022 · Comentar 

Homem de 61 anos morreu, na madrugada deste sábado (16), depois de engasgar com espinha de peixe, há 17 dias, na vila Nossa Senhora das Graças, em Campo Grande.

Conforme o registro de ocorrência, no dia 30 de março, o morador engoliu uma espinha de peixe durante a janta. Na ocasião, o homem não se preocupou, mas dias depois teve dor e vômito com sangramento.

Ainda segundo o boletim policial, na terça-feira (12), o morador foi levado à UPA Coronel Antonino, onde ficou cerca de 24 horas. Depois foi transferido para a Santa Casa, passando por uma endoscopia.

Depois dos exames, o morador teve alta nesta sexta-feira (15) e disse aos familiares que estava bem. No entanto, à noite, se sentiu mal novamente e foi para a UPA. De lá, seguiu para a Santa Casa, onde morreu às 2h37 deste sábado.

A causa da morte foi definida pelo médico como ‘’sepse de foco pulmonar’’.

O caso foi registrado como morte a esclarecer na Depac Centro.

Da redação/ Com Polêmica Paraíba

Comentários


SIGA-NOS

Todos os direitos reservados - Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio

Copyright © 2017 - ExpressoPB - CNPJ: 10.962.007/0001-48