segunda, 24 de janeiro de 2022
SIGA-NOS

Na Araçá FM, AG fala em obras, defende taxa de iluminação, garante apoio a João e responde a professores: “não aceito pressão”



Publicado em sexta-feira, janeiro 14, 2022 · Comentar 

O Prefeito de Mari, Antonio Gomes, concedeu entrevista ao Programa Liberdade de Expressão na manhã desta sexta-feira (14) da Rádio Araçá FM. A primeira entrevista de 2022 do gestor mariense mostrou um Antonio indiferente a cobranças e focado, como ele mesmo disse, em obras e recursos.

Antonio começou falando em saúde, exaltou o trabalho que tem sido feito na pasta e garantiu a conclusão e entrega do hospital municipal, mas não determinou data para ser entregue, justificou que não tem pressa porque quer entregar um hospital que ofereça ao povo de Mari as mesmas ou melhores condições que um hospital da capital. Em outra linha de raciocínio garantiu que o serviço de pronto atendimento atualmente ofertado ao povo tem suprido a demanda dos serviços de saúde.

Sobre obras, Antonio Gomes disse que  o Governo Estadual garantiu o asfalto de algumas vias urbanas da cidade de Mari, ligando a PB 073 a PB 051, vindo pela rua João Suassuna, Antonio de Luna Freire e Arnaud Caldas. Nessa obra serão investidos mais de R$ 1,5 milhão. Ainda segundo AG o governador garantiu a construção de uma escola de mais de R$ 1 milhão em Lagoa do Felix e uma creche no Pasto Novo praticamente o mesmo valor da escola.

Questionado se sua audiência com o governador não foi uma ação administrativa, sem que se condicione a questão política eleitoral, Antonio disse que de fato não trataram de eleições, mas ele – o prefeito – entende que se as obras estão chegando para atender ao povo, nada mais justo de que ele vote em João Azevedo para o governo do Estado.

Com relação a taxa de iluminação pública, Antonio Gomes não titubeou e defendeu o projeto apresentado pelo executivo alegando que foi orientado pelo TCE (Tribunal de Contas do Estado) a implementar a taxa sobe pena de responder por rejeitar receita para o município.

O prefeito saiu em defesa dos vereadores, tanto dos que votaram favoráveis, dos que se ausentaram como dos vereadores de oposição. Na avaliação de Gomes, cada parlamentar cumpriu o seu papel.

Para encerrar a entrevista, Antonio Gomes, falou sobre o rateio do FUNDEB e garantiu que deve ouvir os professores e que ainda não se reuniu com eles porque o setor contábil do município ainda não concluiu a prestação de contas do exercício de 2021, mas alertou que não vai aceitar pressão dos professores que, segundo ele, soube que os sindicalistas e professores estariam o ameaçando a levá-lo ao MP.

O Programa Liberdade de Expressão é apresentado diariamente pelos radialistas Marcos Sales e Jailton Alves das 10h ao meio dia na Rádio Araçá FM.

Da Redação 
Do ExpressoPB

Comentários


SIGA-NOS

Todos os direitos reservados - Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio

Copyright © 2017 - ExpressoPB - CNPJ: 10.962.007/0001-48