sexta, 28 de janeiro de 2022
SIGA-NOS

Acusado de estuprar influencer Duda Martins, servidor do DF nega crime



Publicado em terça-feira, janeiro 4, 2022 · Comentar 

O homem acusado de estuprar uma digital influencer após um encontro em um bar na orla de Maceió, em Alagoas, no último dia 29, é um auditor fiscal do Distrito Federal. A defesa do servidor diz que houve uma falsa comunicação de crime e que a relação sexual entre o homem e Duda Martins ocorreu de forma consensual.

Duda Martins diz que foi dopada e abusada sexualmente após encontro.

O caso aconteceu um dia após o casal ter se conhecido em um aplicativo de relacionamento e marcado um encontro. Graciele Queiroz, advogada do suspeito, diz que acusações postadas nas redes sociais da jovem são “mentirosas”.

1/3

Duda Martins registrou um boletim de ocorrência na Delegacia da Mulher, da Polícia Civil de Maceió. Segundo a jovem, ela teria chegado ao bar às 14h35 e bebido três copos de gin com energético. A última recordação, segundo ela, é de 15h30, quando ainda estava no estabelecimento. Duda diz que acordou na madrugada do dia 30, 12 horas depois, em um apartamento.

“Eu só tenho a sensação de que eu estou machucada, tem as fotos que a doutora tirou, tinha hematomas no peito, galo na cabeça, estava com as minhas partes íntimas feridas, então, eu não estava só dopada, eu estava totalmente ferida. Quando eu acordei, fui retornar consciência, eu estava no sofá dele. Nesse momento, eu nem tinha percebido que eu estava sem calcinha”, afirmou ela, em um vídeo publicado nas redes sociais.

Para Graciele, o depoimento de Duda tem “várias inconsistências”. “Ele se apresentou espontaneamente à delegacia e entregou todas as provas que asseguram sua inocência. É dele o maior interesse de esclarecer a história. [Também] É necessário esperar o resultado dos exames, não fazer este circo na internet. Ela é uma caçadora de likes”, diz a advogada.

Da redação/ Com Metrópoles

 

Comentários


SIGA-NOS

Todos os direitos reservados - Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio

Copyright © 2017 - ExpressoPB - CNPJ: 10.962.007/0001-48