quinta, 28 de outubro de 2021
SIGA-NOS

À Paraíba, Bolsonaro se exime por inflação, desemprego e crise hídrica, e ataca governadores



Publicado em terça-feira, setembro 28, 2021 · Comentar 

O presidente Jair Bolsonaro falou através de transmissão ao vivo durante o evento em alusão aos 1000 dias de Governo, hoje (28), em João Pessoa. Ele se eximiu de responsabilidade pela alta inflação, desemprego e crise hídrica no país, e culpou governadores dos estados brasileiros.

“… ainda durante uma difícil fase da pandemia com consequências terríveis não só para o Brasil bem como para todo o mundo, como consequência temos uma inflação alta em especial nos gêneros alimentícios, isso no mundo todo. Enfrentamos uma das maiores secas da história do Brasil, refletindo diretamente no preço da energia, enfrentamos à pouco também uma geada impar que atacou e prejudicou em grande parte a nossa agricultura. Enfrentamos também alguns governadores pelo Brasil que fecharam tudo sem se preocupar com as consequências para os mais humildes”, disse.

Bolsonaro citou o pagamento de auxílio emergencial pelo Governo Federal e a tentativa de manter empregos para a população mais pobre durante a pandemia como atos da sua gestão.

“Tivemos a oportunidade de atender 68 milhões de pessoas que perderam sua renda, sabíamos que eles tinham dificuldade de sobreviver, foi o maior plano social do nosso Brasil. Somente o ano passado, a título de auxílio emergencial, o Brasil gastou com vocês aproximadamente o equivalente a 13 Bolsa Família, um sinal que nós nos preocupamos com os mais humildes, também com outros projetos conseguimos a manutenção de empregos para quem tinha carteira assinada…”, declarou.

Da redação/ Com Wscom PB

Comentários


SIGA-NOS

Todos os direitos reservados - Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio

Copyright © 2017 - ExpressoPB - CNPJ: 10.962.007/0001-48