sábado, 15 de maio de 2021
SIGA-NOS

Em Mari, igrejas e bares que descumprirem medidas protetivas contra a Covid-19 podem ser interditados, alerta secretária



Publicado em segunda-feira, maio 3, 2021 · Comentar 

A Secretária de Saúde do município de Mari, Emanuele Chaves, em entrevista ao Programa Liberdade de Expressão da Rádio Araçá FM disse que casos graves de pacientes com a Covid-19 tem aumentado no município e acredita está sendo motivado pelo descuido das pessoas com as medidas de proteção.

Emanuelle disse que em 7 dias foram registrados mais de quarenta casos, quatro de pacientes que foram para a UTI, inclusive com um óbito.

Questionada se as igrejas estão liberadas para realizar cultos e missas normalmente, assim como os bares realizarem eventos com música ao vivo, a secretária não descartou adotar medidas mais duras, inclusive com interdição de estabelecimentos.

“Em relação a bares, ora, proibido qualquer tipo de evento, de aglomeração, de atração musical […], da mesma forma Jailton em relação as igrejas, pessoal das igrejas,  senhores pastores; você deu exemplo ai da igreja católica que vem cumprindo conforme o relato ai da pessoa, então, faço o apelo aos pastores das igrejas evangélicas, por favor, cumpram no quantitativo máximo, as igrejas só podem ter 30% da capacidade…”, disse a secretária.

Após o apelo, Emanuelle não descartou possibilidade de interdição: “todas as igrejas, todos os bares, restaurantes, seja la oque for, qualquer segmento aqui em Mari, já foi previamente notificado, do que pode e do que não pode… se vier foto agora não tem outra atitude a nem ser tomada, como uma interdição”, asseverou.

Da Redação 
Do ExpressoPB

Comentários


SIGA-NOS

Todos os direitos reservados - Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio

Copyright © 2017 - ExpressoPB - CNPJ: 10.962.007/0001-48