terça, 24 de novembro de 2020
SIGA-NOS

Palmeiras emplaca oitava vitória consecutiva na temporada



Publicado em domingo, novembro 15, 2020 · Comentar 

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) – O Palmeiras venceu neste sábado (14) o Fluminense por 2 a 0, no Allianz Parque, e engatou o oitavo triunfo consecutivo na temporada. Com dois gols de Raphael Veiga, o Verdão levou a melhor em um confronto direto, entre duas equipes que brigam pelo G4 após 21 rodadas no Campeonato Brasileiro.

Desde a demissão de Vanderlei Luxemburgo, o Palmeiras perdeu para o Fortaleza, mas então engatou esta sequência de oito vitórias, contando Brasileiro, Copa do Brasil e Libertadores. O técnico Abel Ferreira ganhou os quatro confrontos que fez desde que chegou, e agora coloca o Verdão na quinta colocação, com 34 pontos em 20 partidas.

O Fluminense, por sua vez, perdeu o segundo jogo consecutivo e segue nos 32 pontos depois de 21 partidas. A equipe de Odair Hellmann viu o adversário do Allianz Parque passar na tabela e agora está em oitavo.

A próxima partida do Verdão no Brasileiro será sábado que vem (21), às 21h, contra o Goiás, fora de casa. Já o Tricolor visita o Internacional no Beira-Rio, domingo (22), às 18h15.

O MELHOR: RAPHAEL VEIGA
O meia vive uma fase iluminada e ditou o ritmo alviverde na vitória desta noite, não apenas pelos dois gols. Era o camisa 23 o responsável por acelerar o Palmeiras nos melhores momentos da partida, e como prêmio acabou sendo decisivo para o resultado. São 11 gols para o jogador na temporada.

O PIOR: IGOR JULIÃO
O sistema defensivo do Fluminense sofreu em especial pelo lado direito do campo. Igor Julião não fez uma boa partida e deixou muito espaço no setor. Ofensivamente, teve uma atuação discreta e pouco apareceu.

FRED SE MACHUCA
O Fluminense perdeu seu ídolo no aquecimento do jogo. O camisa 9 sentiu dores no tornozelo direito quando se preparava para o início do confronto. Fred foi substituído por Felippe Cardoso, e a faixa de capitão acabou repassada para Hudson. Felippe teve sua melhor chance em uma cabeçada no segundo tempo, que Jailson pegou.

ATUAÇÃO DO PALMEIRAS
O Verdão teve mais dificuldades para mover a bola com velocidade no primeiro tempo e não conseguiu ter um domínio tão rápido como no primeiro tempo contra o Ceará. Após o intervalo, a equipe começou sufocando o Fluminense e fez novamente o placar com gols próximos um do outro. A vibração nas divididas foi um ponto elogiável do Palmeiras, que segue sem perder com o português Abel Ferreira, mesmo tendo 13 desfalques nesse jogo.

ATUAÇÃO DO FLU
Bem organizado, o Fluminense conseguiu assustar a zaga do Palmeiras em diversos momentos principalmente na primeira etapa. Com intensidade no meio-campo e o ataque fluindo, o Tricolor carioca fez uma boa partida e poderia ter aberto o placar ainda na primeira etapa, mas teve o gol anulado pelo VAR e não conseguiu aproveitar algumas chances. No segundo tempo, quando ficou atrás no placar, precisou sair para o jogo e deu espaços no setor defensivo, o que complicou a proposta do Fluminense na partida e praticamente selou o resultado.

CRONOLOGIA DO JOGO
O primeiro tempo foi amarrado na maior parte do tempo, mas o Fluminense chegou a abrir o placar, aos 17 minutos, com Luccas Claro.

Após quatro minutos de análise do VAR, o lance foi anulado por impedimento. As melhores oportunidades do Palmeiras foram já no fim, com Willian e Gustavo Scarpa – Muriel pegou as duas.

Depois do intervalo, a vantagem alviverde foi construída rapidamente: Raphael Veiga, batendo pênalti, abriu placar aos seis minutos. O próprio meia ampliou com um bonito chute, aos 14, e deu tranquilidade para o Verdão controlar o resultado.

FLU ZERADO NO ALLIANZ
O Fluminense é o time que mais sofreu no Allianz Parque. Desde a inauguração da arena, em 2014, são sete jogos entre as equipes, e sete vitórias do Palmeiras. São 17 gols alviverdes e apenas três tricolores nesta sequência.

PALMEIRAS
Jailson; Marcos Rocha, Emerson Santos, Renan e Gustavo Scarpa; Patrick de Paula, Zé Rafael (Ramires) e Raphael Veiga; Lucas Lima (Mayke), Gabriel Veron e Willian (Breno Lopes). Técnico: Abel Ferreira

FLUMINENSE
Muriel; Igor Julião, Nino, Luccas Claro e Danilo Barcelos; Hudson, Dodi, Nenê (Caio Paulista) e Michel Araújo (Marcos Paulo); Wellington Silva (Luiz Henrique) e Felippe Cardoso (Lucca). Técnico: Odair Hellmann

Local: Allianz Parque, em São Paulo (SP)
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)
Assistentes: Jorge Eduardo Bernardi (RS) e José Eduardo Calza (RS)
VAR: Jean Pierre Gonçalves Lima (RS) Cartões amarelos: Emerson Santos, Zé Rafael (PAL); Michel Araújo, Wellington Silva (FLU)
Gols: Raphael Veiga, aos seis minutos do segundo tempo (1-0); Raphael Veiga, aos 14 minutos do segundo tempo (2-0)

Da redação/ Com Paraíba Online

Comentários


SIGA-NOS

Todos os direitos reservados - Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio

Copyright © 2017 - ExpressoPB - CNPJ: 10.962.007/0001-48