quarta, 08 de fevereiro de 2023
SIGA-NOS

Na Paraíba, cartão corporativo de Bolsonaro tem gastos exorbitantes; veja locais e valores



Publicado em sexta-feira, janeiro 20, 2023 · Comentar 

As visitas à Paraíba do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) nos anos de 2019, 2020 e 2021 resultaram num gasto com hospedagens de R$ 66.964 mil em hotéis de Sousa, Campina Grande, Patos e João Pessoa, com o cartão corporativo.

Os dados estão disponíveis para acesso dos brasileiros, após a atual gestão do Governo Federal ter divulgado o detalhamento dos gastos oficiais com cartões corporativos do ex-chefe do Planalto.

A primeira estadia de Bolsonaro na Paraíba foi em 11 de novembro de 2019, no Hotel Slaviero, em Campina Grande. Ao todo, o ex-presidente gastou R$ 17.255 mil no hotel. A diária mais cara para casal no Slaviero da Rainha da Borborema é de R$ 288,00. O valor pago por Bolsonaro daria para hospedar aproximadamente 60 pessoas em um único dia. Na ocasião, Bolsonaro havia visitado Campina Grande para participar da solenidade de inauguração do complexo habitacional Aluízio Campos.

Em 17 setembro de 2020, o presidente gastou R$ 6.500 mil em hospedagem no Hotel Ribeirão, localizado em Sousa. As diárias do hotel chegam a R$ 144,00, dependendo do quarto escolhido. Neste valor, daria para hospedar 45 pessoas. No dia, Bolsonaro participou da inauguração da Usina Fotovoltaica Coremas III.

Durante passagem rápida na cidade de Campina Grande, em 01 de outubro de 2020, Bolsonaro gastou R$ 12.501 mil em hospedagens em dois hotéis. No Hotel Village de Campina Grande o ex-presidente gastou R$ 5.642 e daria para hospedar 20 pessoas, com diárias no valor de R$ 270,00.

Já no Nord Easy, ele pagou com o cartão corporativo um total de $ 6.859 mil em hospedagem e não foi possível calcular o valor por pessoa, pois o hotel está fechado. Na data, Bolsonaro tinha um compromisso em Pernambuco, então resolveu fazer uma escala para cumprimentar os campinenses, sem nenhuma agenda administrativa na cidade.

Em mais uma escala em Campina Grande, em 19 de fevereiro 2021, o ex-presidente gastou R$ 11.586 mil em hospedagem no Hotel Village, que daria para hospedar 42 pessoas nas diárias no valor de R$ 270,00. Bolsonaro estava indo novamente à Pernambuco e resolveu parar na Rainha da Borborema, para aglomerar entre os seus eleitores campinenses durante a pandemia.

O maior gasto de Bolsonaro em hospedagem na Paraíba, conforme os dados que foram disponibilizados, foi em 21 de outubro de 2021. Ao todo, o ex-presidente gastou R$ 19.122 mil em hospedagens em hotel e pousada de Sousa. No Ribeirão Hotel Bolsonaro gastou  R$ 7.640 mil. O valor daria para hospedar 53 pessoas com diárias no valor de R$ 144,00.

Já na Pousada Chabocão ele gastou R$ 11.482 mil e daria para hospedar 53 pessoas a R$ 144,00. Na ocasião, o ex-presidente esteve em São José de Piranhas, para participar da inauguração do trecho final do Eixo Norte do Projeto de Integração do Rio São Francisco.

Da Redação 
Com Polêmica Paraíba

Comentários


SIGA-NOS

Todos os direitos reservados - Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio

Copyright © 2017 - ExpressoPB - CNPJ: 10.962.007/0001-48