terça, 31 de janeiro de 2023
SIGA-NOS

Governo divulga itens danificados por terroristas pró-Bolsonaro no Palácio do Planalto; veja lista



Publicado em segunda-feira, janeiro 9, 2023 · Comentar 

Avaliação preliminar mostra que pinturas, esculturas e móveis foram destruídos pelos criminosos. Obra avaliada em R$ 8 milhões está entre as danificadas. Ataques ocorreram neste domingo (8).

O Palácio do Planalto divulgou nesta segunda-feira (9) uma lista preliminar de itens que foram danificados por uma minoria radical de apoiadores do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) neste domingo (8).

Segundo o governo, ainda não foi feito um levantamento “minucioso” das peças destruídas, mas a avaliação preliminar mostra que pinturas, esculturas e peças de mobiliário foram danificadas.

“Os terroristas que invadiram o Palácio do Planalto neste domingo vandalizaram e destruíram parte importante do acervo artístico e arquitetônico ali reunido e que representa um capítulo importante da história nacional”, diz trecho da nota.

Entre os itens destruídos, está a obra “As Mulatas”, de Di Cavalcanti, cujo preço estimado é de R$ 8 milhões.

Estão na lista também a escultura “O Flautista”, de Bruno Jorge, avaliada em R$ 250 mil; e uma em madeira, de Frans Krajcberg, estimada em R$ 300 mil.

Lista

Quadro 'As Mulatas', de Di Cavalcanti, no Palácio do Planalto, antes de ser destruída por bolsonaristas radicais — Foto: Rogério Melo/Presidência da República

Quadro ‘As Mulatas’, de Di Cavalcanti, no Palácio do Planalto, antes de ser destruída por bolsonaristas radicais — Foto: Rogério Melo/Presidência da República

  • Obra “As mulatas”, de Di Cavalcanti — a principal peça do Salão Nobre do Palácio do Planalto foi encontrada com sete rasgos, de diferentes tamanho. A obra é uma das mais importantes da produção de Di Cavalcanti. Seu valor está estimado em R$ 8 milhões, mas peças desta magnitude podem alcançar valores até 5 vezes maior em leilões
Escultura "O Flautista", de Bruno Jorge, antes de ser danificada por bolsonaristas radicais — Foto: Beto Barata/Presidência da República

Escultura “O Flautista”, de Bruno Jorge, antes de ser danificada por bolsonaristas radicais — Foto: Beto Barata/Presidência da República

Comentários


SIGA-NOS

Todos os direitos reservados - Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio

Copyright © 2017 - ExpressoPB - CNPJ: 10.962.007/0001-48