terça, 31 de janeiro de 2023
SIGA-NOS

“Chama a polícia para buscar o corpo”, disse homem que matou a namorada enforcada



Publicado em segunda-feira, janeiro 2, 2023 · Comentar 

A Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) procura por Maxwel Lucas Rômulo Pereira de Oliveira (à esquerda, na foto em destaque), 32 anos. Ele é suspeito de enforcar e matar a namorada, Fernanda Letícia da Silva, 27, na madrugada deste domingo (1º/1).

Após cometer o crime, na casa onde morava, na QNP 17 de Ceilândia, o assassino chamou os parentes e confessou o homicídio. Maxwel Lucas disse para a mãe que a companheira estava com a boca roxa. Antes de fugir, ainda pediu para a família “chamar a polícia para buscar o corpo”.

A coluna Na Mira apurou que Maxwel Lucas tinha histórico de violência contra a companheira e que Fernanda Letícia havia denunciado o namorado à polícia em março de 2022. Testemunhas relataram que, em diversas ocasiões, o assassino batia na jovem, que desmaiava, ou fingia, para tentar pôr fim às agressões.

Informações preliminares dão conta de que o crime ocorreu quando o irmão do autor estava em casa; por isso, a suspeita é de que Maxwel Lucas tenha tapado a boca da vítima, para que ela não gritasse por ajuda. Após a família constatar a morte, o criminoso chegou dizer: “Matei a Fernanda. Não acredita? Vem ver! Falei que mataria”. A extrema frieza do assassino chocou os parentes que estavam na casa. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) constatou a morte no local.

O caso é investigado pela Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam) II, em Ceilândia.

Assédio

Outro feminicídio ocorreu por volta das 23h45 desse sábado (31/12). Uma jovem de 19 anos morreu após ser esfaqueada dentro de um ônibus, em Santa Maria. O coletivo seguia para o Plano Piloto, pela BR-040, na altura do Residencial Santos Dumont, quando a vítima foi assediada.

Testemunhas relataram que o namorado dela reagiu e passou a discutir com esse passageiro, momento em que o assediador deu uma facada na coxa da vítima.

Ela chegou a ser socorrida pelo Corpo de Bombeiros e transportada para o Hospital Regional de Santa Maria (HRSM), mas não resistiu aos ferimentos e morreu. A coluna Na Mira apurou que o assassinato ocorreu no dia do aniversário de 19 anos da vítima.

O autor foi preso em flagrante por feminicídio e levado para a 20ª Delegacia de Polícia (Gama). O ônibus passará por perícia no pátio da 33ª DP (Santa Maria). A PCDF não divulgou a identidade dos envolvidos.

Da Redação 
Com  Metrópoles

Comentários


SIGA-NOS

Todos os direitos reservados - Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio

Copyright © 2017 - ExpressoPB - CNPJ: 10.962.007/0001-48