terça, 31 de janeiro de 2023
SIGA-NOS

Sem crise: Prefeituras paraibanas terminam 2022 e começam 2023 com contratações milionárias para festas



Publicado em domingo, dezembro 25, 2022 · Comentar 

Em Alagoinha, no brejo, festa de Natal custou quase R$ 1 milhão – Foto: Reprodução/ManchetePB

O ano de 2022 está terminando com aparência de superação. E se depender dos gestores paraibanos, 2023 será uma festança só, sem crise, sem falta de recursos nos cofres públicos.

De Cabedelo a Cajazeiras é possível encontrar dezenas de municípios realizando festa de final de ano e outras dezenas com festas programadas e já confirmadas para 2023.

Na grande JP 

Na grande João Pessoa, Santa Rita é um exemplo. As emissoras de não conseguem dar conta das reclamações da população santarritense reclamando da falta d’água, serviço assumido pela prefeitura, mas que não vem sendo prestado com qualidade.

Enquanto falta água nas torneiras, não falta dinheiro para a gestão do prefeito Panta contratar e realizar nos dias 22, 23 e 29 de dezembro shows de João Gomes e Calcinha Preta. Só o show de João Gomes custou aos cofres públicos R$ 370 mil.

No Brejo 

O município de Alagoinha, Brejo Paraibano, elevou o nível do evento, contratou grandes atrações e estruturou a festividade. Mais de 40 mil pessoas passaram pelo Pátio de Festa ao longo das duas [2] primeiras noites.

A estrutura da festa contou com um palco que ocupou toda dimensão (largura) do pátio, com telões de Led e som. O evento também ganhou a comercialização de camarotes (primeiro e segundo andar), além do setor de FrontStage, espaço reservado próximo ao palco.

Em Alagoinha a festa começou na quinta-feira, dia 22 de dezembro, com shows de Calcinha Preta, Taty Girl e Joyce Tayná e vai até domingo, dia 25.  Na sexta-feira (23) subiram ao palco Samya Maia, Luan Estilizado e Filipe Santos. No sábado (24) as atrações são Lima Com Mel, Michele Andrade e Ronny Peruano e se encerra no domingo (25), com um show da cantora gospel Fernanda Brum. A festa deve custar aos cofres públicos quase R$ 1 milhão.

Festa para 2023 

O município de Itapororoca, no Vale do Mamanguape, desembolsou quase R$ 300 mil com um show do cantor Tarcísio do Acordeon que deverá ser realizado em janeiro do próximo ano para a Festa de Reis.

Com menos de cinco mil habitantes no município, a Prefeitura de Sertãozinho, na grande Guarabira, resolveu gastar mais de meio milhão de reais, R$ 505 mil, para contratar Calcinha Preta, Zezo, Taty Girl e outros artistas para a Festa de Reis 2023. Os shows acontecerão entre os dias 4 e 6 de janeiro.

O anuncio das contratações provocou reação da opinião pública, tanto que o ExpressoPB.net assinou EDITORIAL com o título: A máquina dos eventos que mói as finanças dos pequenos municípios.

O referido editorial não condena as contratações milionárias com dinheiro público para a realização de eventos dessa natureza, mas rechaça o discurso feito por muitos gestores sobre uma eventual crise financeira que os municípios atravessam, para justificar a ineficiência de muitos serviços públicos, enquanto “encontram” dinheiro para fazer a farra literalmente.

Da Redação 
Do ExpressoPB

Comentários


SIGA-NOS

Todos os direitos reservados - Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio

Copyright © 2017 - ExpressoPB - CNPJ: 10.962.007/0001-48