quarta, 08 de fevereiro de 2023
SIGA-NOS

Futuro Ministro do Desenvolvimento Social diz que irá combater fraudes em cadastros de programas do Governo Federal



Publicado em sexta-feira, dezembro 23, 2022 · Comentar 

Atualmente, o Cadastro Único tem cerca de 90 milhões de pessoas inseridas nos diversos programas sociais do Governo Federal. Segundo Wellington Dias (PT), esses cadastros serão analisados.

O futuro de Desenvolvimento Social, o ex-governador do Piauí Wellington Dias (PT) disse em entrevista à TV Clube nesta sexta-feira (23) que pretende combater fraudes em cadastros de programas sociais e buscar pessoas com direito aos programas que ainda não estão cadastradas.

senador eleito Wellington Dias (PT-PI) foi indicado pelo presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva para o Ministério do Desenvolvimento Social, uma das pastas mais disputadas do novo governo e que será responsável, entre outros programas sociais, pelo Bolsa Família (atual Auxílio Brasil).

Atualmente, o Cadastro Único tem cerca de 90 milhões de pessoas inseridas nos diversos programas sociais do Governo Federal.

“Mas são mesmo 90 milhões? É isso que o presidente Lula determinou e vamos nos debruçar. A transição avalia que é possível encontrar pessoas que não preenchem os requisitos […] Se alguem fora do critério recebe o Bolsa Família, isso é fraude, e fraude tem que ser combatida”, disse Wellington Dias.

Segundo o futuro ministro, o objetivo do novo ministério é combater a insegurança alimentar e retirar o Brasil do Mapa da Fome da Organização das Nações Unidas (ONU). Atualmente, cerca de 33 milhões de pessoas passam fome todos os dias no Brasil, segundo a Rede Brasileira de Pesquisa e Soberania e SAN (Penssan).

“Vamos trabalhar para garantir que se tenha as oportunidades, integrado com os vários ministérios, setor público e privado, estados e municípios, para garantir oportunidades de mais emprego, empreendedorismo, para que as pessoas possam sair da miséria, da pobreza, e ter renda sustentável, e ainda com eficiência, combatendo as fraudes”, disse.

Wellington agradeceu ao Congresso Nacional pela aprovação da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) que prevê o adicional de R$ 150 por criança de até seis anos, além dos R$ 400, para famílias cadastradas no Bolsa Família;

“À medida que tivermos segurança nessa base de dados, aquela família que está regular, aquelas crianças preenchem os requisitos, então já é feito o acrescimento do valor devido. Será feito o pagamento na mesma sistemática do Bolsa Família”, explicou.

A atual governadora do Piauí e futura secretária de Assistência Social do estado Regina Sousa comemorou a nomeação de Wellington Dias para o Ministério do Desenvolvimento Social, e contou que anos de convivência entre eles deve facilitar a comunicação do ministério com a secretaria.

O encontro entre os dois aconteceu no Palácio de Karnak, sede do Governo do Piauí, nesta sexta-feira (23), na primeira visita oficial do senador eleito ao Piauí após a nomeação para o Ministério.

“É uma felicidade imensa ver meu amigo, parceiro de 40 anos, ser nomeado […] E mais feliz ainda que nomeado na pasta exatamente afim àquela que eu vou conduzir, se Deus permitir. Temos 40 anos de convivência e isso me dá o direito de ter uma relação muito próxima, de telefonar a qualquer hora. Ele gosta de telefonar às 5h, e eu digo ‘menino, tu não dorme não?'”, brincou a governadora.

Da Redação 
Com G1
Comentários


SIGA-NOS

Todos os direitos reservados - Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio

Copyright © 2017 - ExpressoPB - CNPJ: 10.962.007/0001-48