quinta, 01 de dezembro de 2022
SIGA-NOS

Madrinha de escola de samba morre ao cair de escada; polícia investiga se ela foi empurrada



Publicado em segunda-feira, novembro 21, 2022 · Comentar 

Renata Nunes, de 34 anos, madrinha de harmonia da Leandro de Itaquera, bateu a cabeça e teve traumatismo craniano. A amiga que ela visitava é considerada suspeita

Renata Nunes, da Leandro de Itaquera
REPRODUÇÃO/RECORD TV

A tradicional escola de samba paulistana Leandro de Itaquera está de luto. A madrinha de harmonia da escola, Renata Nunes, de 34 anos, morreu na semana passada em razão de uma queda de escada na casa de uma amiga. Renata ficou dez dias internada, mas não resistiu.

A suspeita é que ela tenha sido empurrada após uma discussão com a mulher que mora no local. O filho de 8 anos da dançarina presenciou tudo.

A principal suspeita do crime não se apresentou à polícia até o momento, o que reforçou a desconfiança da polícia sobre a possível participação dela no caso.

Renata caiu de costas, e foi constatado traumatismo crânio-encefálico. Para entender melhor a dinâmica do crime, a polícia deverá fazer uma reconstituição do caso.

A escola de samba divulgou uma nota em que lamentou a perda e disse se solidarizar com a família.

Renata é ex-enteada de Beto Jamaica, uma das lendas do axé baiano.

Da Redação 
Com R7

Comentários


SIGA-NOS

Todos os direitos reservados - Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio

Copyright © 2017 - ExpressoPB - CNPJ: 10.962.007/0001-48