quarta, 30 de novembro de 2022
SIGA-NOS

7 de setembro: Bolsonaro beija Michelle e puxa coro “imbrochável, imbrochável”



Publicado em quinta-feira, setembro 8, 2022 · Comentar 

Buscando minimizar os ataques misóginos às jornalistas Vera Magalhães e Amanda Klein nos últimos dias, Jair Bolsonaro (PL) deu mais um show de machismo ao discursar em ato no 7 de Setembro na Esplanada dos Ministérios em Brasília nesta quarta-feira.

Em sua fala, Bolsonaro usou a esposa, Michelle Bolsonaro, para “fazer várias comparações” com os governos petistas de Lula (PT) e Dilma Rousseff (PT).

“Podemos fazer várias comparações, até entre as primeiras-damas. Não há o que discutir: uma mulher de Deus, família e ativa na minha vida. Não é ao meu lado, não. Muitas vezes, ela está é na minha frente”, disse Bolsonaro, antes de dar “conselho” aos homens solteiros.

“E eu tenho falado aos homens solteiros, para os solteiros que estão cansados de ser infelizes, procure uma mulher, uma princesa, se casem com ela para serem mais felizes ainda”, disse o presidente antes de beijar Michelle, a terceira mulher com quem se casou após passar um tempo solteiro “comendo gente” em apartamento funcional em Brasília.

Após o beijo, Bolsonaro protagonizou mais um show de machismo. Agradeceu a “Deus pela segunda vida” e puxou o coro: “imbrochável, imbrochável, imbrochável”, deixando a primeira dama constrangida.

Da Redação 
Com Forum

Comentários


SIGA-NOS

Todos os direitos reservados - Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio

Copyright © 2017 - ExpressoPB - CNPJ: 10.962.007/0001-48