quarta, 29 de junho de 2022
SIGA-NOS

FINAIS TRÁGICOS: relembre os casos mais chocantes de crianças que desapareceram na PB



Publicado em domingo, abril 17, 2022 · Comentar 

A Paraíba foi surpreendida nos últimos dias com o caso trágico de uma adolescente de 12 anos que foi morta pelo padrasto e teve seu corpo jogado em uma área de vegetação da Praia do Sol, próximo a casa onde morava com a família. Júlia dos Anjos desapareceu no último dia 07 em João Pessoa, e várias linhas de investigação foram levantas para encontrar a jovem. Cinco dias após o desaparecimento, o padrasto de Júlia confessou ter matado a adolescente e levou a polícia até o local e confessou que cometeu abuso sexual.

WhatsApp Image 2022 04 14 at 16.32.43 3 - FINAIS TRÁGICOS: relembre os casos mais chocantes de crianças que desapareceram na Paraíba

O caso de Júlia relembrou casos com finais trágicos de crianças e adolescentes que desapareceram no estado. Relembre agora os casos mais chocantes.

Anielle Teixeira

WhatsApp Image 2022 04 14 at 16.32.43 1 - FINAIS TRÁGICOS: relembre os casos mais chocantes de crianças que desapareceram na Paraíba

Anielle Teixeira de 11 anos, desapareceu em setembro de 2021  na Praia do Cabo Branco, em João Pessoa. A menina estava acompanhada da mãe e da irmã no local, na orla da capital, onde estavam dormindo em um quiosque. Durante a madrugada Anielle foi filmada por uma câmera de segurança enquanto conversava com um homem, depois não foi encontrada pela mãe. O corpo de Anielle foi encontrado 3 dias depois do seu desaparecimento, às margens do Rio Jaguaribe, no bairro do  Miramar.

José Alex da Silva, principal suspeito de matar Anielle confessou o crime de feminicídio, mas negou que houvesse estuprado a criança. Durante a audiência de custódia, o suspeito mudou sua versão sobre o caso negou a autoria do crime. José Alex foi encaminhado para a Penitenciária de Segurança Máxima Doutor Romeu Gonçalves de Abrantes.

Patrícia Roberta

WhatsApp Image 2022 04 14 at 16.32.43 2 - FINAIS TRÁGICOS: relembre os casos mais chocantes de crianças que desapareceram na Paraíba

 

A jovem Patrícia Roberta de 22 anos, foi encontrada morta no dia 27 de abril de 2021, em uma área de vegetação de João Pessoa. Patrícia que morava em Caruaru, teria vindo visitar um suposto amigo em João Pessoa, mas dias depois desapareceu. A jovem foi encontrada em avançado estado de putrefação, um terreno de João Pessoa dois dias após ter desaparecido. De acordo com o laudo da perícia a jovem foi esganada e morta por asfixia.

O acusado de ter cometido o crime é Jonathan Henrique G. dos Santos, de 23 anos.

Guilherme Marinho

WhatsApp Image 2022 04 14 at 16.32.43 4 - FINAIS TRÁGICOS: relembre os casos mais chocantes de crianças que desapareceram na Paraíba

Guilherme Marinho de sete anos desapareceu no dia 10 de fevereiro de 2018, na comunidade Taipa, no bairro Costa e Silva, em João Pessoa. Durante 5 meses a policia fez buscas pelo menino mas foi só em junho do mesmo ano, que as ossadas da criança foram encontradas no bairro de Gramame. A confirmação de que se tratava da ossada de Guilherme Marinho aconteceu no dia 26 de junho.

Quatro anos após o crime a polícia não prendeu nenhum suspeito.

Fernanda Ellen

WhatsApp Image 2022 04 14 at 16.32.43 - FINAIS TRÁGICOS: relembre os casos mais chocantes de crianças que desapareceram na Paraíba

Fernanda Ellen despareceu no dia 7 de janeiro de 2013 quando retornava da escola a poucos metros da casa, onde morava com a família no bairro Alto do Mateus, em João Pessoa. A polícia, familiares e amigos procuraram a criança que foi encontrada no dia 8 de abril. O corpo de Fernanda foi achado no quintal de Jefferson Luís vizinho da vítima. De acordo com investigações Fernanda Ellen foi morta por estrangulamento após ter reagido quando o suspeito anunciou seu sequestro.

Jefferson matou a criança enquanto tentava roubar seus pertences para conseguir dinheiro para comprar drogas. Em setembro de 2013 ele foi condenado a 31 anos de prisão em regime fechado.

Rebeca Cristina

WhatsApp Image 2022 04 14 at 16.32.42 - FINAIS TRÁGICOS: relembre os casos mais chocantes de crianças que desapareceram na Paraíba

O desaparecimento de Rebeca Cristina chocou toda a Paraíba. A adolescente de 15 anos, foi estuprada e morta em julho de 2011, no trajeto entre a casa da família e o Colégio da Polícia Militar, em Mangabeira VIII, Zona Sul de João Pessoa. O corpo da garota foi encontrado em uma matagal em Jacarapé, Litoral Sul da Paraíba no mesmo dia do seu desaparecimento, no período da tarde.

Durante as investigações para encontrar o autor do crime, a Polícia Civil descobriu que o padrasto de Rebeca Cristina, o policial militar Edvaldo Soares da Silva já havia se envolvido em um caso de tentativa de homicídio contra uma ex-mulher. Além de mentir sobre o álibi, na casa do policial foram encontradas fotografias de crianças em poses sensuais.

Em 2019 Edvaldo foi condenado a 31 anos de prisão em regime fechado pelo estupro e assassinato da enteada.

Da Redação 
Com Polêmica Paraíba

Comentários


SIGA-NOS

Todos os direitos reservados - Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio

Copyright © 2017 - ExpressoPB - CNPJ: 10.962.007/0001-48