sábado, 04 de dezembro de 2021
SIGA-NOS

Falso pastor preso por abusar sexualmente de criança em Lagoa Seca é morto por companheiro de cela



Publicado em sábado, outubro 30, 2021 · Comentar 

O falso pastor, preso acusado de violentar sexualmente de criança em Lagoa Seca, cidade localizada na região da borborema, é espancado até a morte dentro do Presídio de Segurança Máxima de Campina Grande

Pedro Adriano da Silva Santos (foto) tinha 37 anos e era natural de Canguaretama, no Rio Grande do Norte.

Leia também: Violência no Brejo: Jovem é assassinado com mais de 18 disparos de arma de fogo em Cuitegi

O suspeito do crime, era um companheiro de cela e foi identificado como Edson Valdevino Silva.

Da Redação
Do ExpressoPB/Foto: Rede Social 

Comentários


SIGA-NOS

Todos os direitos reservados - Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio

Copyright © 2017 - ExpressoPB - CNPJ: 10.962.007/0001-48