sábado, 15 de maio de 2021
SIGA-NOS

Evangélico, empresário de Guarabira ataca padre que criticou Bolsonaro: “padreco de meia tigela”



Publicado em terça-feira, março 2, 2021 · Comentar 

Essa não é uma guerra santa, mas o teor religioso dá o tom na disputa das narrativas políticas favoráveis e contrárias ao Presidente da República Jair Bolsonaro em meio a crise sanitária e econômica que o Brasil vem enfrentando.

Em Guarabira, o empresário João Rafael de Aguiar, dono de um conglomerado de mídia e de empresas de outros ramos econômicos, ardoroso evangélico e defensor enfurecido do Presidente Bolsonaro saiu em defesa de seu “mito”  em reação as críticas feitas pelo padre Adauto Tavares, durante homilia na missa dominical neste último fim de semana que chamou o presidente de “genocida” e “sem moral”, assim como criticou os eleitores negacionistas do bolsonarista radical.

Em tom raivoso, João Rafael declarou na sua rádio nesta segunda-feira (01) ser eleitor de Bolsonaro, “um presidente honesto” e taxou o padre de “padreco de meia tigela”.

“O senhor não tem moral, o senhor não tem dignidade, o senhor é um politiqueiro, o senhor defende a bandidagem, como defendeu um presidente ladrão e nunca levantou a voz e agora não está acostumado com um presidente honesto”, disse o empresário.

O Padre Adauto ainda não se pronunciou sobre a fala do empresário.

O Portal 25 Horas reproduziu a fala do empresário e a homilia do Padre Adauto (veja aqui).

Da Redação 
Do ExpressoPB

 

 

Comentários


SIGA-NOS

Todos os direitos reservados - Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio

Copyright © 2017 - ExpressoPB - CNPJ: 10.962.007/0001-48