quinta, 15 de abril de 2021
SIGA-NOS

Fake News transformou R$ 26 mil de investimentos de Marisa Letícia em R$ 256 milhões



Publicado em quarta-feira, abril 15, 2020 · Comentar 

O deputado federal Paulo Pimenta (PT-RS) anunciou através de suas redes sociais, nesta quarta-feira (15), que vai acionar o Conselho de Ética da Câmara contra o deputado Eduardo Bolsonaro (sem partido) por ele ter espalhado uma fake news sobre a ex-primeira-dama Dona Marisa Letícia.

Em função de um erro de preenchimento, foi multiplicado por mil o inventário de Dona Marisa Leticia da Silva, esposa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. O engano acabou atribuindo à sua conta uma aplicação de 2.566.468 unidades de CDB (Certificado de Depósito Bancário), com valor de R$ 100 cada, o que daria, no final: R$ R$ 256.646.800,00.

A informação passou a ser usada por Eduardo Bolsonaro e outros bolsonaristas para atacar Lula e a memória de Dona Marisa. O valor, no entanto, não procede. O ex-presidente enviou à Justiça nesta quarta-feira o extrato dos CDBs, que mostram o valor de R$26 mil, mil vezes menor do que o juiz divulgou.

“O Deputado Eduardo Bolsonaro, seu irmão e vereador Carlos Bolsonaro e Regina Duarte foram alguns dos que divulgaram essa mentira de maneira inescrupulosa e perversa. Serão devidamente processados e responderão pelo crime vil que cometeram”, escreveu Pimenta.

De acordo com o deputado, além de da denúncia contra Eduardo Bolsonaro, ele acionará o conselho de ética da presidência contra a secretária de Cultura do governo, Regina Duarte.

“Basta de mentiras e fake news. A impunidade tem sido a arma desta família e seus cúmplices”, escreveu o parlamentar petista.

Da Redação 
Com Forum

Comentários


SIGA-NOS

Todos os direitos reservados - Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio

Copyright © 2017 - ExpressoPB - CNPJ: 10.962.007/0001-48