segunda, 18 de novembro de 2019
SIGA-NOS

Advogado de Bolsonaro acusa Julian Lemos de ter comprado diretório do PSL na Paraíba



Publicado em quarta-feira, outubro 16, 2019 · Comentar 

O diretório do PSL na Paraíba, sob a presidência do deputado federal Julian Lemos desde 2018, está em uma denúncia publicada pelo site Valor que cita compra de diretórios do PSL em cidades de ao menos quatro Estados: São Paulo, Ceará, Rio Grande do Sul e Paraíba.

A matéria denuncia que os advogados do presidente Jair Bolsonaro tinham conhecimento, por meio de denúncias feitas por integrantes do partido, de compra de diretótios do PSL em cidades dos estados citados.

De acordo com a matéria sobre o mesmo tema no site O Antagonista, o advogado do presidente, Admar Gonzaga, comentou as denúncias e destacou a importância da investigação.

“São os locais de onde vêm essas denúncias. Acontece que essas denúncias chegam acompanhadas dos respectivos atos de nomeação (…). Diretório não se compra, não se compra, nem voto. E isso tem de ser investigado, porque naturalmente essa questão ela acaba não indo para conta nenhuma. O dinheiro acaba sendo embolsado por esses responsáveis que nós ainda não temos certeza de quem são”, pontuou.

O presidente do diretório paraibano do PSL, Julian Lemos, participou da campanha do presidente Jair Bolsonaro e garante lealdade a ele. Nesta terça-feira (14), o nome do deputado apareceu em uma “lista negra” do presidente, mas ele garantiu que se encontrou com Bolsonaro duas vezes nos últimos quinze dias e que foi tratado como “amigo”.

 

Da Redação 

Com Folha Digital 83

Comentários


SIGA-NOS

Todos os direitos reservados - Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio

Copyright © 2017 - ExpressoPB - CNPJ: 10.962.007/0001-48