sexta, 22 de novembro de 2019
SIGA-NOS

Nenhum deputado federal da Paraíba abriu mão do auxílio-moradia



Publicado em sexta-feira, setembro 13, 2019 · Comentar 

Deputados federais têm direito a receber auxílio-moradia no valor de R$ 4.253,00. Quando não, eles podem ocupar um dos 432 apartamentos funcionais que a Câmara tem em Brasília. Segundo o portal da ta Transparência da Câmara dos Deputados, nenhum deputado federal paraibano abriu mão de um desses dois benefícios.

Dos 513 deputados federais, apenas 28 optaram por não receber o auxílio moradia em 2019, o que corresponde a 5,45% do total. Dentro dessa relação, não consta nenhum deputado paraibano.

Do outro lado, todos os 12 deputados federais paraibanos usufruem de algum dos dois direitos. Oito deles optaram por receber o auxílio-moradia, e seis utilizam o apartamento funcional (dois deles receberam primeiro a ajuda financeira por determinado período, e em seguida passaram a utilizar o apartamento).

Dentro da lista dos que optaram pelo auxílio-moradia, quatro receberam a quantia em dinheiro. São eles:

Aguinaldo Ribeiro (PP), que recebeu R$ 4.253,00 mensais entre fevereiro e agosto de 2019;

Pedro Cunha Lima (PSDB) que recebeu R$ 4.253,00 mensais entre fevereiro e agosto de 2019

Wellington Roberto (PL) que recebeu R$ 4.253,00 mensais em fevereiro e março de 2019, e R$ 425,30 em abril de 2019; e

Wilson Santiago (PTB), que recebeu R$ 4.253,00 mensais entre fevereiro e agosto de 2019.

Houve também deputados que optaram por receber o auxílio-moradia com ressarcimento via recibo do hotel ou aluguel. Foram eles:

Edna Henrique (PSDB), que recebeu R$ 4.253,00 em fevereiro de 2019;

Gervásio Maia (PSB), que recebeu R$ 4.253,00 mensais entre fevereiro e agosto de 2019;

Julian Lemos (PSL), que recebeu R$ 4.253,00 mensais entre fevereiro e agosto de 2019; e

Ruy Carneiro, que recebeu R$ 4.253,00 mensais entre fevereiro e agosto de 2019.

Por último, seis deputados federais paraibanos fazem uso do apartamento funcional cedido pela Câmara. Veja a lista:

Damião Feliciano (PDT), desde 02/06/2016;

Edna Henrique (PSDB), desde 01/03/2019;

Efraim Filho (DEM), desde 29/10/2015;

Frei Anastacio (PT), desde 31/01/2019;

Hugo Motta (Republicanos), desde 01/06/2016; e

Wellington Roberto (PL), desde 04/04/2019.

Justificativa

Em contato com o Portal MaisPB, o deputado federal Pedro Cunha Lima informou que, apesar de receber os recursos referentes ao auxilio-moradia, o valor é repassado para entidades as quais ele faz doações mensais. O parlamentar acrescentou que não devolve os recursos à Câmara Federal porque os valores seriam utilizados pela própria Casa legislativa.

 

Da Redação 

Com MaisPB

Comentários


SIGA-NOS

Todos os direitos reservados - Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio

Copyright © 2017 - ExpressoPB - CNPJ: 10.962.007/0001-48