segunda, 26 de agosto de 2019
SIGA-NOS

Mais de 4 mil enfrentam filas para feira de empregos em Campina Grande



Publicado em quinta-feira, abril 25, 2019 · Comentar 

 Mais de quatro mil pessoas estão enfrentando as filas onde ocorre a segunda Feira de Empregabilidade, nesta quinta-feira (25), no Grau Técnico em Campina Grande. O evento foi iniciado às 10h, mas as pessoas aguardam na fila desde às 22h dessa quarta-feira (24). O local deve continuar recebendo mais pessoas durante o dia.

O levantamento da quantidade de pessoas nas filas é realizado pela instituição. Conforme a unidade, uma delas é para os alunos da escola técnica e outra para os moradores da região. Serão oferecidas mais de 200 vagas, tendo como parceiras mais de 20 empresas.

“Com essa feira, a gente passa a fomentar o sonho dessas pessoas de voltarem ao mercado de trabalho. A ideia da gente é fazer o que a gente faz com os nossos alunos, transformar a vida da população, então a ideia da feira é de empregar. Temos processos seletivos com grandes empresas, indústrias, telefonia e telemarketing, lojas e outras. Vamos atender o máximo de pessoas possível até as 17h desta quinta, por ordem de chegada”, disse o diretor do Grau Técnico, Arthur Leão.

Uma das alunas de radiologia da instituição, Aparecida Farias, tem 24 anos, está no curso há mais de um ano, mas batalha para continuar os estudos. “Eu acho uma oportunidade ótima pra gente tentar entrar no mercado de trabalho, porque emprego está difícil pra todo mundo. Eu nunca trabalhei de carteira assinada, já trabalhei com estágio e passei três meses no Sitrans, aí como atingi minha idade, me tiraram. Qualquer vaga que eu conseguir aqui pra mim é lucro, porque estou desempregada e o custo do curso não cabe muito no meu bolso,” colocou.

José Cândido Pascoal Neto foi uma das primeiras pessoas a chegar para a fila geral. Ele disse que chegou com um grupo de quatro pessoas às 22h dessa quarta (24). “A gente passou frio aqui, inclusive choveu! Eu já trabalhei com carteira assinada, mas eu estou desempregado há mais de um ano, estou tentando vaga para vendedor ou estoquista”, relatou.

Vagas

As 200 vagas serão distribuídas para mão de obra terceirizada, mão de obra industrial, atendente telemarketing, vendas, setor de qualidade e outras. Além disso, a feira ainda tem agentes integradores como o Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE) e o Instituto Euvaldo Lodi (IEL) que também irão ofertar vagas para estágios e para o programa Jovem Aprendiz.

De acordo com a instituição, são oferecidas 400 fichas nas filas por vez, sendo 50 delas para a fila dos alunos e 350 para a fila geral. Essas fichas serão entregues de acordo com uma triagem natural feita para o perfil de cada participante, a fim de escolher a vaga que mais se encaixe para o perfil de cada pessoa.

Da Redação 
Com Portal Correio

Comentários


SIGA-NOS

Todos os direitos reservados - Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio

Copyright © 2017 - ExpressoPB - CNPJ: 10.962.007/0001-48