domingo, 16 de dezembro de 2018
SIGA-NOS

Jogo do Whatsapp assusta cidade inteira e prefeito decreta toque de recolher



Publicado em domingo, dezembro 2, 2018 · Comentar 

Uma nova brincadeira no Whatsapp está causando transtorno na vida de mais dois mil habitantes da cidade de Pajarito, interior da Colômbia.

Segundo notícia publicada pelo jornal argentino Clarín, um jogo que está sendo compartilhado em alguns grupos no Whatsapp é o responsável por invocar suposto “espírito maligno”, que estaria causando comportamentos estranhos em adolescentes e jovens da cidade.

Em nota, a prefeitura de Pajarito proibiu por tempo indeterminado uso do aplicativo de transferência de mensagens e informou que haveria toque de recolher, como se fosse uma tentativa para proteger a vida dos jovens menores de 17 anos.

Alguns acontecimentos estranhos foram registrados, como algumas ameaças de saltar de pontes, desmaios, lacerações, e até tentativas de suicídio por parte dos menores.

O prefeito Inocencio Pérez Castro informou para a mídia local que as atitudes dos jovens fizeram ele tomar essa decisão, de proibir o uso do aplicativo de troca de mensagens, além da restrição de circulação dos mesmos durante a noite.

“Alguns jovens disseram que iam cometer suicídio, falaram incoerentemente que ‘a hora tinha chegado’ e que iam pular de uma ponte”, Inocencio declarou assustado. Ele ainda explicou que os envolvidos estavam reunidos em grupo no Whatsapp cujo objetivo seria completar uma série de desafios correspondentes ao jogo “18-Point Star”.

Um dos desafios que supostamente foi indicado para os participantes do jogo para ser realizado seria o de jogar Tabuleiro Ouija, o que o liga com a presença dos “espíritos malignos”.

Segundo as autoridades, o prefeito decretou o toque de recolher por já ter acontecido atentados  com cerca de 14 adolescentes.

“Para proteger a vida e a integridade de crianças e adolescentes de Pajarito, eles não serão autorizados a estar no espaço público e/ou estabelecimentos comerciais do município sem a companhia de seus pais ou pessoa responsável”, declarou.

Tanto as autoridades quanto a polícia da cidade colombiana não forneceram mais detalhes sobre como o jogo se originou por meio do Whatsapp, ainda estão em processo de investigação.



Fonte: O Fuxico Gospel

Comentários


SIGA-NOS

Todos os direitos reservados - Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio

Copyright © 2017 - ExpressoPB - CNPJ: 10.962.007/0001-48