sexta, 21 de setembro de 2018
SIGA-NOS

Na PB, Gleisi Hoffmann admite desejo de ter RC na campanha de Lula



Publicado em quinta-feira, julho 12, 2018 · Comentar 

Não é segredo para ninguém. O PT nacional quer o apoio do governador Ricardo Coutinho (PSB) para o ex-presidente Lula na disputa pela sucessão ao Planalto, nas Eleições deste ano. A confidência foi feita em solo paraibano, nesta quinta-feira (12), pela presidente nacional do Partido dos Trabalhadores, senadora Gleisi Hoffman, durante agenda em João Pessoa.

Ela admitiu que sua vinda tinha justamente como prioridade fechar o apoio do PSB do governador Ricardo Coutinho à campanha de Lula à presidência da República.

Para a presidente, não há outra objetivo neste momento de encontros em todas as regiões do país, senão de tirar Lula da prisão e elegê-lo presidente do Brasil.

“O PT da Paraíba, assim como em todos os estados, está muito animado com a campanha do presidente Lula. Na defesa da inocência dele, na defesa da sua candidatura e também da sua eleição para presidente. Nós avaliamos que Lula é hoje o único candidato e a única pessoa, por ser a maior liderança política popular da história desse país, com condições de tirar o Brasil da crise e conduzir a uma pacificação nacional”, ressaltou.

Hoffmann complementou ainda que a aliança prioritária na Paraíba é com o PSB e que há um compromisso com o governador pelos posicionamentos políticos dele e não com os partidos que estão na composição da chapa majoritária e com pessoas tidas como golpistas.

“É com ele com nós temos compromisso e é dele que queremos também o compromisso com Lula”, enfatizou.

PLANO B DO PT

Ainda na Paraíba, Gleisi Hoffmann, negou que seja o Plano B do Partido dos Trabalhadores para a eleição de outubro. Especulasse que o PT vaio tentar manter a candidatura de Lula até o limite legal, para substituir o ex-presidente por outro petista indicado por Lula.

“Não procede essa informação sobre Plano B. Nosso candidato é Lula, vamos registrá-lo dia 15 de agosto e vamos lutar pelo direito junto à Justiça Eleitoral. Ele é a única liderança política popular que tem condições de fazer a pacificação do Brasil. Mas que uma vontade do PT é um dever ter Lula como nosso candidato”, arrematou.

Redação 

Comentários


SIGA-NOS

Todos os direitos reservados - Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio

Copyright © 2017 - ExpressoPB - CNPJ: 10.962.007/0001-48