quinta, 13 de dezembro de 2018
SIGA-NOS

Revista resgata 11 imagens de Moro que mostram sua falta de independência para julgar Lula



Publicado em domingo, julho 8, 2018 · Comentar 

O juiz federal Sérgio Moro desacatou uma ordem judicial neste domingo (8) ao divulgar um despacho solicitando que o ex-presidente Lula permanecesse preso. Moro afirmou que desembargador do Tribunal Regional da 4ª Região (TRF4), Rogério Favreto, que concedeu habeas corpus mais cedo ao petista, não tinha competência para fazê-lo.

Para o deputado federal Wadih Damous (PT-RJ), que é advogado e ex-presidente da OAB-RJ, a atitude de Moro configura desobediência à ordem judicial, já que hierarquicamente ele está abaixo do desembargador do TRF4. O mesmo pensa o advogado Douglas Alexandre de Oliveira Herrero, que encaminhou ao tribunal um ofício pedindo a prisão do juiz de Curitiba.

Já há algum tempo que a atuação de Moro com relação à Lula é questionada por juristas e especialistas. O magistrado, em inúmeras ocasiões, foi registrado sorrindo ao lado de políticos anti-Lula ou acusados de corrupção, o que, em tese, o torna suspeito para julgar o ex-presidente. Foi a partir da condenação de Moro em primeira instância que o TRF4 condenou o petista a 12 anos e 1 mês de prisão em segunda instância pelo caso do “triplex do Guarujá”.

Fórum resgatou 11 momentos em que o juiz de Curitiba foi flagrado em situações que colocam em xeque sua independência jurídica para julgar Lula. Confira.

Moro com Doria e Fernando Capez (PSDB), deputado estadual tucano e acusado de corrupção

 

Moro com João Doria, político declaradamente antipetista

 

Moro brinca com Aécio Neves (PSDB), acusado de corrupção

 

Moro com José Serra, acusado de corrupção

 

Moro com o governador de Mato Grosso, Pedro Taques (PSDB), acusado de corrupção

Moro posa com família da então secretária da Transparência de Pedro Taques, Adriana Vandoni, que desfiliou-se do PSDB. Ela não é acusada de nada e deixou o governo de Taques quando surgiram as primeiras denúncias

 

Moro e Nelson Willians, advogado de João Doria que emprestou seu helicóptero para tucano fazer campanha

Moro com o assistente do ex-prefeito Fabrício de Macedo

Moro com Paulo Rabelo, ex-presidente do BNDES no governo Temer, filiado ao PSC e acusado de corrupção

Moro com Onyx Lorenzoni (DEM), acusado de corrupção

Moro com Rodrigo Maia (DEM), acusado de corrupção

Da Redação
Com Forum

Comentários


SIGA-NOS

Todos os direitos reservados - Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio

Copyright © 2017 - ExpressoPB - CNPJ: 10.962.007/0001-48