quarta, 20 de junho de 2018
SIGA-NOS

O Farol publica nota da prefeitura de Mari rebatendo afirmações do ex vereador Edvaldo Martins



Publicado em terça-feira, junho 12, 2018 · Comentar 

O Portal O Farol publicou nota da prefeitura de Mari, Zona da Mata da PB, rebatendo as declarações do ex vereador Edvaldo Martins que acusou em uma rede social a gestão do atual prefeito Antonio Gomes de “sujar” o CNPJ da Prefeitura, impossibilitando o Município de Mari em conveniar com o Governo Federal.

Veja a seguir o teor da nota publicada n’O Farol assinada pelo Secretário Chefe de Gabinete, Manuel Batista:

NOTA:

Considerando a informação veiculada pelo ex-vereador Edvaldo Martins em seu perfil no Facebook, onde acusa o Prefeito Antônio Gomes de “sujar” o CNPJ da Prefeitura, dessa forma, impossibilitando o Município de Mari em conveniar com o Governo Federal, por estar incluída no CAUC em razão do não pagamento do Mariprev e por não aplicação mínima dos recursos da Educação, motivos pelos quais o Município teria perdido recursos destinados a implantação de poços artesianos;
A PREFEITURA MUNICIPAL DE MARI, em respeito a opinião pública e buscando restabelecer as verdades dos fatos, vem de público esclarecer que:
– Ao assumir a administração do Município de Mari no início de 2017, o Prefeito Antônio Gomes já encontrou a Prefeitura inscrita no CAUAC, onde na época contava com uma lista de mais de 20 pendências junto àquele órgão, oriundas da gestão anterior;
– Ao longo deste atual período de gestão, o prefeito tem envidado, com êxito, todo esforço possível para sanar essas pendências, restando apenas algumas poucas, as quais deverão ser resolvidas em breve, inclusive com o acionamento do ex-prefeito perante a Justiça para que o mesmos explique o porquê de tantas restrições deixadas junto ao Governo Federal;
– Apesar das restrições, graças ao empenho da atual gestão em resolver as pendências deixadas pelo ex-prefeito, e com o apoio do Deputado Federal Wellington Roberto e do Senador Cássio Cunha Lima, a Prefeitura de Mari conseguiu contratar recentemente, junto ao Governo Federal, mais de 1 MILHÃO de reais, referentes aos seguintes convênios:
1) – R$ 250.500,00 junto ao Ministério da Integração para instalação de 06 poços nas comunidades: Alfavaca, Taumatá e Gendiroba.
2) – R$ 243.750,00 junto ao Ministério do Esporte para construção de campo society.
3) – R$ 299.730,00 junto ao Ministério das Cidades para pavimentação de vias públicas (calçamentos).
4) – R$ 250.000,00 junto ao Ministério das Cidades para Conclusão de calçamento.
Dessa forma, não procede a informação veiculada pelo ex-vereador que o Município de Mari teria perdido os recursos destinados aos poços artesianos e outros.
Ademais, estranhamos o fato do ex-vereador não saber, omitir ou distorcer os reais motivos das pendências do Município de Mari junto ao CAUC, já que durante a gestão anterior, na qualidade de parlamentar presidente da Câmara, o mesmo deveria ter adotado a prática da constante fiscalização dos atos da administração pública. Aliás, seria interessante que o ex-vereador, tão preocupado com a transparência administrativa, informasse a opinião pública qual o posicionamento do TCE/PB acerca de suas contas referentes ao seu exercício da presidência da Câmara.
Por fim, reafirmamos o compromisso em sanar todas as pendências junto ao CAUC, reparando assim, a irresponsabilidade administrativa gerada pelo ex-prefeito, agravada pelo silêncio do ex-vereador Edvaldo, que agora tenta atribuir ao atual gestor a responsabilidade dos erros cometidos durante a última gestão, diante dos olhos fechados e a boca calada do ex-parlamentar que, sequer pode concorrer a reeleição, devido a restrições do mesmo com a Lei da Ficha Limpa, fato este que também mereceria uma explicação pública.
Mari/PB, em 10 de junho de 2018.
MANUEL BATISTA
Sec. Chefe de Gabinete do Prefeito 

Da Redação 
Do ExpressoPB

Comentários


SIGA-NOS

Todos os direitos reservados - Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio

Copyright © 2017 - ExpressoPB - CNPJ: 10.962.007/0001-48