Kim Jong-un ordenou o lançamento de um novo míssil balístico em 2018


Se a informação for confirmada, as repercussões podem tornar a já tensa situação na península coreana ainda mais volátil.

Os preparativos para o lançamento de mais um míssil balístico estão em curso na Coreia do Norte, informou o japonês Asahi Shimbun.

O jornal citou um desertor familiarizado com o programa de desenvolvimento de mísseis de Pyongyang. Segundo ele, durante uma reunião de altos funcionários da Coreia do Norte em 11 de dezembro, o líder do país, Kim Jong-un, alegadamente ordenou o lançamento do novo míssil balístico intercontinental em 9 de setembro 2018.

A data marca o 70º aniversário da fundação da Coreia do Norte por Kim Il-sung, avô do atual líder do país.

O novo míssil, de acordo com Asahi Shimbun será uma versão maior do míssil Unha-3, de 30 metros, que por sua vez é uma versão atualizada do míssil balístico Taepodong-2.

O desertor afirmou que a Coreia do Norte planeja lançar um satélite para verificar se o míssil Unha-4 será capaz de voltar a entrar na atmosfera.

Entretanto, fontes de inteligência disseram que não havia sinais específicos de que Pyongyang esteja preparando um novo lançamento de mísseis balísticos.

No final de novembro, a Coreia do Norte lançou o míssil balístico Hwasong-15, com alcance de mais de 13 mil quilômetros. O secretário de Defesa dos EUA, James Mattis, disse que o míssil estabeleceu um novo recorde de altitude alcançado por um projetil norte-coreano.

Da Redação 
Com Terra
Comentários

Artigos relacionados

Leave a reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *