Prefeito paraibano ignora crise e se empenha na atração de novas empresas para gerar emprego e renda


Apesar das constantes quedas na arrecadação municipal, o prefeito de Alhandra, Renato Mendes, vem investindo na atração de novas empresas e indústrias para reforçar a economia local.

Para o gestor, essa é uma saída que pode ser seguida por outros prefeitos paraibanos diante do cenário de crise.

De acordo com Renato, foi necessário buscar alternativas que garantissem a manutenção de serviços essenciais como saúde e educação. “Sendo assim decidimos buscar emprego e renda para nosso povo. Com essa medida, estamos conseguindo atrair o fortalecimento da economia local”, destacou.

O prefeito revelou que já conseguiu a instalação de duas grandes empresas. Uma delas, um Outlet que terá 110 lojas de multimarcas, deve garantir a geração de 1.220 empregos diretos e mais 300 durante a construção do empreendimento. “Por conta dessa instalação também conseguimos garantir a atração de um hotel com 100 apartamentos”, disse.

“Fizemos um esforço conjunto para trazer esse shopping para Alhandra, porque entendemos a importância Projeto. Renato Mendes pretende seguir atraindo mais empresas desse empreendimento para a economia e para a geração de empregos e renda. Nosso município é pequeno, mas tem um potencial enorme e vai oferecer aos empresários uma mão de obra qualificada e disposta para o trabalho”, complementou Renato.

Segundo o gestor, as pessoas que desejarem concorrer as vagas e se qualificarem estamos em parceria com o Sebrae e Senai para implantação de cursos profissionalizantes.

“Alhandra dá um grande salto no desenvolvimento com este shopping Outlet. A época em que o município não abria um só emprego, passou. Nossa gestão tem um olhar para o futuro da nossa cidade”, comemorou o prefeito.

Investimento.

A outra empresa que vai se instalar no município de Alhandra é uma cervejaria. De acordo com Renato Mendes, com a instalação serão garantidos 500 empregos diretos e mil indiretos. As duas obras devem ficar prontas em dezembro de 2018.

“É preciso procurar alternativas para esta crise. Não dá para ficar com o pires na mão implorando ao Governo Federal por dinheiro. Temos que fazer a nossa parte também”, afirmou o gestor alhandrense.

Da Redação 
Com Jornal Correio da PB

 

Comentários
Tagged with:

Artigos relacionados

Leave a reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *