domingo, 20 de maio de 2018
SIGA-NOS

Apesar dos protestos, gestão da Baía da Traição não recua e vai cobrar pedágio para carros de ‘farofeiros’

Publicado em sexta-feira, dezembro 8, 2017 · Comentar 

Apesar de muitos protestos e insatisfações, ônibus, micro-ônibus e vans de farofeiros que visitarem as praias da Baía da Traição, Litoral norte da Paraíba, a 92 km da Capital, são obrigados a pagar pedágio para estacionar na área urbana do município.

Por decreto, o prefeito Euclides Sérgio Costa Lima Júnior (PTB) estipulou os valores que cada veículo terá de desembolsar: ônibus – R$ 150,00; micro-ônibus R$ 100,00, e vans R$ 60,00. A medida está em vigor desde outubro.

O secretário de Cultura, Desportos e Turismo da prefeitura, Aluísio José de Lorena, disse que a medida é legal e que está prevista na Lei Orgânica do Município. Em entrevista ao programa Correio Debate, Lorena também justificou a medida: “É para aplicar o dinheiro arrecadado na melhoria da infraestrutura da cidade”.

O secretário disse ainda que os carros de turistas estão isentos do tributo. “Esses ficam ou se hospedam na cidade por mais de um dia e contribuem para o aumento da arrecadação da prefeitura”.

Para o secretário, “os turistas de um dia”, aqueles que levam suas próprias comidas e bebidas para consumir no local (farofeiro) pouco contribuem para o desenvolvimento do município.

De acordo com Lorena, a cidade, que tem cerca de 9 mil habitantes, triplica na alta estação. “Comporta até 30 mil pessoas e a Prefeitura precisa de fundos para aplicar em serviços públicos”.

Da Redação
Com Clickpb

Comentários
Tags :


SIGA-NOS

Todos os direitos reservados - Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio

Copyright © 2017 - ExpressoPB - CNPJ: 10.962.007/0001-48