ExpressoPB

Paraibano, Renan da Resenha foi alvo de preconceito em emissoras


O que era apenas uma brincadeira se tornou coisa séria e o paraibano de Nova Floresta, Renan da Resenha, se tornou um dos maiores youtubers do Brasil. O humorista foi entrevistado pelo jornalista Heron Cid, no programa Frente a Frente, da TV Arapuan, onde revelou bastidores das suas “resenhas” e o preconceito que sofreu por ser nordestino.

Em um ano e meio, Renan já gravou 600 vídeos, acumula quase 144 mil seguidores no Youtube e outros 318 mil no Instagram. São mais de 70 milhões de visualizações em suas redes sociais.

Como humorista, Renan da Resenha já fez testes na TV Globo e participações em programas da Rede Record e SBT.

“Já sofri preconceitos por ser nordestino. Um diretor me falou que eu falava muito arrastado e que hoje as coisas são mais modernas. Eu discordei. Ele disse que tinha uma oportunidade para mim, mas que eu precisaria de uma reformulação. Não topei”, revelou.

As resenhas começaram via WhatsApp em áudios compartilhados com amigos sobre as “farras do final de semana”, por exemplo. “E o pessoal me respondia: recebi teu áudio em Cajazeiras, recebi em um grupo de Pernambuco”, contou.

O paraibano percebeu que fazia sucesso quando um de seus áudios chegou às mãos da cantora Solange Almeida. Apostando nas redes sociais, somente na noite em que estreou no Youtuber ele conseguiu atrair 1.500 seguidores.

Entre os humoristas que o inspiram está o também paraibano Nairon Barreto, o famoso “Zé Lezim”. Já entre os famosos que curtem o humor feito por Renan está a cantora Cláudia Leitte.

“É uma loucura, porque a minha vida mudou completamente. Peço a Deus sabedoria para não me iludir com as coisas do mundo”, frisou.

A produção começou de forma simples, pelo celular. Renan era o produtor, editor, ator e algumas vezes contava com o apoio da irmã como cinegrafista.

“Amo nosso Nordeste e nossa cultura muda muito em um pequeno espaço. Procuro buscar inspirações nas coisas do dia a dia”, afirmou.

De vendedor de rapadura a fenômeno nas redes sociais

Renan da Resenha é fenômeno nas redes sociais

Aos 10 anos, Renan perdeu o pai em um acidente de carro. Para garantir a renda da família, a mãe vendia roupas para amigas.

Com 15 anos, o humorista começou a vender CDs para seus colegas na escola. Posteriormente, ele passou a vender rapadura de Picuí nas feiras de João Pessoa. Comemorou ao conseguir vender 20 caixas de uma única vez, mas também enfrentou preconceitos.

Ele ainda trabalhou como vendedor de feijão, veículos e foi assessor parlamentar. Em certo momento se viu envolvido com a política. “Meu avô foi prefeito de Nova Floresta e eu me vi seduzido pela política, participei de campanhas eleitorais”, contou.

Durante a entrevista ele revelou que pretende seguir os passos do seu ídolo, Nairon Barreto, e fazer humor pelos próximos 30 anos. Ele garantiu honrar o nome da Paraíba “com muito amor”.

MaisPB

Comentários

Artigos relacionados

Leave a reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *