Modelo Renata Banhara desabafa após sequelas da paralisia facial e revela desejo de suicídio


A loira já enfrentou duas paralisias faciais e segue com sequelas de uma grande infecção no dente, e agora, está com o rosto deformado.

Em entrevista ao programa “Câmera Record”, a modelo contou que sente fortes dores, que chegam a fazer com que ela deseje a morte.

“Parou meu rosto, inchou, deformou, ele derrete. Meu rosto está bonito hoje, talvez daqui dois ou três dias ele derreta, ele enche. Minha cabeça chegou a pesar um quilo e meio a mais, de eu não ter condições de segurar minha cabeça”, explicou Renata, na entrevista que irá ao ar no programa deste domingo (29).

“Eu tenho vontade de me suicidar de dor. Eu preciso do remédio psiquiátrico para dar uma acalmada, porque a dor não vai passar de uma hora para outra, eu tenho que suportá-la para não fazer uma besteira. […] Estou doente, eu tenho as dores, mas eu não queria passar a imagem de coitada”, lamenta.

“Eu não quero que as pessoas me vejam no dia a dia, eu fico um monstro. Uma coisa horrorosa, horrorosa. Eu sentava no meu sofá, punha uma toalha no rosto porque eu não queria que ninguém me visse, nem filho, nem ninguém”, disse ela, que fez questão de excluir seus perfis nas redes sociais.

“Os olhos deformaram, o rosto deformou. Parece uma boneca de cera assim, sabe? De modelar, que deu errado. Cheguei a tomar 60 remédios por dia. Hoje estou, como dizem os médicos, desmamando. Estou tomando uma quantidade menor, estou conseguindo reduzir porque estou em melhora”, explica.

E completa, em uma afirmação bastante triste: “não vamos parar nunca, porque enquanto eu estiver tendo esses repentes, essas reações, não se tem previsão de parar”. Melhoras!

Da Redação
Com @alessandro.s.mello

Comentários

Artigos relacionados

Leave a reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *