Filho de prefeito é preso suspeito de ser mandante de assassinato no Sertão do Estado


A operação foi desencadeada na Região da Serra de Teixeira na manhã desta quinta-feira (05) e cumpre 13 mandados de busca e apreensão e já prendeu ao menos três pessoas.

A Ação foi desencadeada pela Polícia Civil e de acordo com o delegado encarregado, Demétrius Patrício, um dos detidos é filho do prefeito da cidade de Teixeira, Nego de Guri (PMDB).

O filho do prefeito é acusado de ser o mandante intelectual de um assassinato na região. De acordo com o delegado, Antônio Claudionor Nunes, conhecido com “Crida” foi morto na rodovia 262 com um tiro de espingarda calibre 12 nas costas. O crime teria motivação política.

Os mandados foram expedidos pela juíza da Comarca de Patos, Isabele Joseane Lopes.

A operação continua e às 10h da manhã será realizada uma entrevista coletiva.

O crime aconteceu em 09 de julho deste ano. O homem foi encontrado morto às margens da PB 262, com um tiro de espingarda calibre 12. A perícia constatou que a vítima foi atingida nas costas quando tentava subir a serra em uma motocicleta. Ele morreu antes mesmo de ser socorrido.

Marília Domingues / Fábio Diniz (Arapuan – Patos)

Comentários

Artigos relacionados

Leave a reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *