Secretário de Desenvolvimento Humano de Mari/PB protesta contra proposta de corte de 97% da Suas


Secretário Ramos

O Secretário de Desenvolvimento Social do município de Mari, Zona da Mata da PB, Severino Ramo, em entrevista concedida na manhã desta quinta-feira (28) ao programa Liberdade de Expressão da Rádio Araçá FM foi contundente ao criticar a proposta de orçamento do Governo Federal para o ano de 2018 de corte de 97%  no Sistema único de Assistência Social (Suas).

A votação do orçamento acontecerá até 30 de outubro na Câmara Federal. Caso aprovado, o corte orçamentário pode repercutir no fechamento de Centros de Referência em Assistência Social (Cras e Creas) e na diminuição do apoio prestado aos beneficiários do Bolsa Família e do Benefício de Prestação Continuada, conhecido também como Loas, além do desemprego dos profissionais da assistência.

Severino Ramo disse que caso os deputados federais venham a aprovar essa proposta orçamentárias as gestões de assistência social em todos os recantos do país estão inviabilizadas no ano que vem.

O secretário disse que irá propor ao Presidente da Câmara Municipal que ele convoque uma sessão especial para tratar do assunto e que encaminhe aos deputados federais da Paraíba cópia da ata de discussão da referida sessão no sentido de pressioná-los para que eles rejeitem a proposta.

Pelo panorama apresentado pelo secretário, se a situação está ruim, pode ficar ainda pior.

Da Redação 
Do ExpressoPB

Comentários

Artigos relacionados

Leave a reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *