Palmeiras perde e Grêmio vence


A série de cinco partidas sem derrota do Palmeiras no Campeonato Brasileiro terminou na tarde deste domingo. No jogo que marcou a volta de Moisés, o último antes da Copa Libertadores, a equipe reserva armada pelo técnico Cuca perdeu do Atlético-PR por 1 a 0, no Estádio Palestra Itália.

Com os principais titulares poupados para o torneio continental, o Palmeiras encerra o primeiro turno do Campeonato Brasileiro na quarta colocação com 32 pontos, 15 pontos atrás do líder Corinthians. Já o Atlético-PR, em uma série de três vitórias seguidas, chega aos 26 pontos e sobe para o oitavo posto.

Pela 20ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Palmeiras pega Vasco e o Atlético-PR, o Bahia. Pelas oitavas de final da Copa Libertadores, às 21h45 (de Brasília) de quarta-feira, os alviverdes recebem o Barcelona de Guaiaquil. No mesmo horário de quinta, os rubro-negros visitam o Santos.

O Jogo – A partida começou equilibrada no Palestra Itália, e o Atlético-PR conseguiu inaugurar o marcador aos 17 minutos do primeiro tempo. Guilherme cobrou escanteio pelo lado direito e o ex-palmeirense Thiago Heleno ganhou de Juninho para cabecear com sucesso. Com o Atlético-PR aplicado na marcação, Raphael Veiga pediu a bola várias vezes, mas não conseguiu criar chances de gol no primeiro tempo. Algumas vaias foram ouvidas na arena enquanto o Palmeiras trocava passes no campo de defesa, mas os apupos cessaram no momento em que Moisés foi para o aquecimento.

Em dificuldades para criar, o Palmeiras se limitou a reclamar de supostos pênaltis não marcados e ainda tomou um susto nos acréscimos da etapa inicial. Ederson recebeu de Lucho Gonzalez do lado direito da área e Fernando Prass precisou sair para defender. Recuperado de grave lesão no joelho esquerdo, Moisés substituiu Raphael Veiga no intervalo para sua primeira partida desde fevereiro. No segundo tempo, Cuca posicionou Zé Roberto na lateral esquerda e trouxe Michel Bastos para a ponta direita, com Erik do lado oposto.

O Palmeiras cresceu e desperdiçou grandes oportunidades em jogadas com Erik e Antônio Carlos, ambas defendidas pelo goleiro Weverton. O zagueiro, que substituiu o lesionado Juninho durante o primeiro tempo, ainda chutou uma por cima após passe de Borja.

Em sua última cartada, Cuca promoveu a entrada de Deyverson no lugar de Erik e viu Borja parar em saída de Weverton pela esquerda após receber do camisa 16. Armado para contra-atacar, o Atlético-PR conseguiu suportar a intensa pressão do Palmeiras durante o segundo tempo. Assim que o jogo acabou, novas vaias foram ouvidas no Palestra Itália.

Grêmio – A perseguição continua! Na tarde deste domingo, o time misto do Grêmio derrotou os reservas do Atlético-MG por 2 a 0, em casa, em jogo válido pela 19° rodada do Brasileirão e viu a vantagem para o líder Corinthians voltar para os oito pontos: 47 a 39. Já o Galo caiu para 12° e está com 23 pontos. Os gols foram marcados por Pedro Rocha e Fernandinho.

As equipes escolheram poupar para focar nos respectivos jogos da Libertadores, na próxima quarta-feira. A partida marcou a estreia do goleiro Paulo Victor pelo Grêmio, que defendeu um pênalti de Robinho aos 44 da etapa complementar.

Apesar das escalações sugerirem um jogo sem graça, a partida ele começou movimentado. Desde o início. Logo aos 3, Valdivia, o melhor do Galo, cobrou uma falta venenosa, mas Paulo Victor salvou. O Galo persistiu no campo ofensivo, mas só por um minuto, quando o Tricolor Gaúcho encaixou um contra-ataque puxado por Luan que terminou com gol de Pedro Rocha após cruzamento de Everton.

Após o tento, o Grêmio, mais entrosado, passou a administrar, enquanto o Galo sentiu e recuou. Apesar disso, o Grêmio ampliou aos 27, com Fernandinho. Ele finalizou após rebote de Victor em cabeçada de Pedro Rocha.

Terra

Comentários

Artigos relacionados

Leave a reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *