ExpressoPB

Polícia prende 2º acusado de matar travesti a pedradas em Areia, no brejo; crime é desvendado


Na manhã desta segunda-feira (27) a Polícia Militar prendeu o segundo acusado de matar uma travesti na cidade de Areia no Brejo paraibano, na madrugada do domingo (26).

Leia também: Sábado de Carnaval registra quatro assassinatos na PB: Em Araruna, Esperança, Areia e Boqueirão

A vítima teria acertado um programa sexual com os acusados, mas um deles não teria gostado das insinuações e a matou a pedradas.

No domingo mesmo a polícia já havia chegado a Leandro Cardoso da Silva, 22 anos, que confessou ter participado do crime e apontou o “Chibata”  – Josenildo Galdino da Silva, 24 anos – como autor dos golpes que mataram o travesti.

Leia também: Polícia prende um dos suspeitos de assassinar travesti em Areia, no brejo; outro está foragido

Chibata foi  conduzido pela equipe da Rádio Patrulha, do 10 BPM até a Delegacia de Esperança onde serão tomadas as medidas cabíveis.

Veja mais notícias da área policial 

Da Redação 
Do ExpressoPB

Comentários

Artigos relacionados

Leave a reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *