Gestor adere ao Projeto Prefeito Amigo da Criança e Secretário de Desenv. Humano articula atração de fábrica para Mari/PB


A gestão municipal de Mari, Zona da Mata da PB, articula uma série de ações que certamente trarão resultados positivos para o desenvolvimento do município, considerado um dos piores IDH’s do Brasil.

Leia também: Balanço: Prefeito de Mari/PB avalia os primeiros 40 dias de gestão e faz projeção para os próximos 60 dias

Informações repassadas pelo Secretário de Desenvolvimento Humano do município, Severino Ramo, o Prefeito Antonio Gomes aderiu ao Projeto Amigo da Criança, da Fundação ABRINC e já foi homologado a sua adesão. Com a adesão e consequente homologação, o gestor se compromete em adotar políticas públicas de atendimento a primeira infância, a criança e ao adolescente (Confira aqui o Termo de Adesão).

Ainda segundo o Secretário Severino Ramo, a sua pasta já está articulando para inscrever o município de Mari no Programa SELO UNICEF. “Vamos trabalhar para conquistar junto ao Fundo das Nações Unidas para a Infância – UNICEF esse importante atestado que simboliza os cuidados e respeito do poder público com as nossas crianças e adolescentes”, afirmou.

Termo de Homolagação por parte da Fundação ABRINC

Ramo também registrou uma reunião dele com o Gerente de Desenvolvimento e Qualidade da Indústria de Calçados AMAZONAS, na pessoa do Sr. Renato Barcelos, em João Pessoa que teve como objetivo discutir a possibilidade reabertura da fábrica de calcados de Mari, agora através de um novo formato, qual seja, o Cooperativismo. “Nessa nova configuração, os trabalhadores serão donos do seu próprio negócio e não mais empregados”, analisa o secretário, que ainda informou que ficou acertado que se as pessoas que já trabalharam na produção de calçados assumirem o compromisso em criar uma Cooperativa e assumir os destinos do seu próprio negócio, a AMAZONAS passará ser uma parceria na aquisição dos produtos confeccionados, além de servir de articuladora para a abertura de outros mercados para a Cooperativa.

“Fomos convidados para fazer uma visita a linha de produção e montagem da AMAZONAS.  O que presenciamos foi impressionante no que concerne a estrutura e quantidade de pessoas trabalhando, estamos confiantes que logo em breve estaremos implantando esse projeto em nossa cidade”, finalizou.

 

Da Redação 
Do ExpressoPB

Comentários

Artigos relacionados

Leave a reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *