ExpressoPB

Violência: Corpo é encontrado decapitado em Lagoa Seca e homem é morto a pauladas em JP


Dois crimes com requintes de crueldade foram registrados na Paraíba nesta quarta-feira (25), na capital e no interior do estado. Em um dos casos o corpo foi decapitado e teve braços e pernas cortados. Nos dois casos a polícia ainda não identificou os autores.

Na madrugada na zona rural de Lagoa Seca, um crime bárbaro assustou os seus moradores. O corpo de um homem ainda não identificado foi encontrado com a cabeça, pernas e braços cortados.

A Polícia Militar fez buscas pela região e prendeu três suspeitos, que foram levados para a Delegacia de Homicídios de Campina Grande.

De acordo com a polícia, o caso ainda está sendo investigado. Ainda não se sabe o que teria motivado o crime.

16265775_1733760626649426_2496523429894051730_nEm João Pessoa também durante a madrugada um homicídio foi registrado no Bairro de Jaguaribe, área central da cidade. A vítima não foi identificada, mas a morte teve requintes de crueldade.

Policiais que estiveram no local para registrar a ocorrência acreditam que o homem foi morto a paulada.

As autoridades policiais realizam diligências para desvendar o crime.

201701240955370000007161Na tarde da terça-feira (24) – Um homem foi assassinado a tiros na tarde da terça-feira, na Rua Sabugi, loteamento cidade Verde, Bairro das Indústrias, Zona Sul de João Pessoa.

De acordo com informações, Leandro Ribeiro da Silva, conhecido como Bubu, estava em frente a uma barbearia, sentado na calçada esperando a vez para cortar o cabelo, quando foi surpreendido pelo atirador. Ele correu, tentando escapar, mas foi atingido com um tiro na cabeça.

Segundo o pai da vitima, disse que ouviu barulho de tiros e saiu para observar e viu quando um dos homens caminhou com a arma em punho até onde o homem estava caído e efetuou mais disparos, fugindo em seguida. Após a fuga da dupla, foi que ele percebeu que seria seu filho que estava ao solo.

O pai disse ainda que há três anos também perdeu um filho vitima da violência. O delegado Paulo Josafá, da Delegacia de Homicidios da Capital, compareceu ao local de crime e deu inicio as investigações para elucidar o homicídio.

Da Redação 
Do ExpressoPB/Informações de Portais

 

Comentários

Artigos relacionados

Leave a reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *