quarta, 15 de agosto de 2018
SIGA-NOS

Zenóbio acusa aliado de tentar se ‘vender’ e vereador acusa Zenóbio de tentar comprá-lo em Guarabira



Publicado em quinta-feira, julho 21, 2016 · Comentar 

ZT-IJ-GbaA campanha política nem começou e o clima do período das convenções já dá o tom de como será quando a disputa começar de fato em Guarabira.

O Prefeito Zenóbio Toscano (PSDB) revelou durante a convenção do PSDB que o presidente da Câmara de Vereadores, Inaldo Júnior (PTB),  teria rompido com ele e ido apoiar o grupo Paulino porque o prefeito não teria papo a propina de  R$ 169 mil para se manter aliado.

De acordo com Zenóbio, o dinheiro serviria para liquidar um empréstimo do parlamentar, que teria sido feito por uma funcionária sua.

O assunto ganhou forte repercussão na imprensa e o vereador Inaldo Junior não deixou sem resposta e através de sua assessoria emitiu nota negando ter cobrado propina ao prefeito para manter aliança e prometeu acionar o gestor  por crimes de calúnia e difamação.

Segundo Inaldo, o prefeito Zenóbio que teria lhe oferecido vantagens para que ele não rompesse a aliança. “As vantagens oferecidas foram os empregos indicados pelo vice-prefeito Zé do Empenho (PRB), que rompeu com o prefeito, gasolina, carro de som, medicamento, remédio, e uma quantia de R$ 30 mil reais”, afirma a assessoria do parlamentar guarabirense.

Da Redação
Do ExpressoPB

Comentários


SIGA-NOS

Todos os direitos reservados - Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio

Copyright © 2017 - ExpressoPB - CNPJ: 10.962.007/0001-48