segunda, 16 de julho de 2018
SIGA-NOS

Condenado por matar Aryane Thaís se entrega, em João Pessoa



Publicado em segunda-feira, junho 13, 2016 · Comentar 

20160613201512O acusado de assassinar Aryane Thaís Carneiro de Azevedo, Luiz Paes de Araújo Neto, teve prisão preventiva decretada pela Justiça e se entregou à Justiça no fim da tarde desta segunda-feira (13).

Luiz, que é bacharel em Direito, foi condenado a 17 anos e seis meses em regime fechado pelo assassinato. Por cerca de três anos, o condenado recorreu da sentença nos tribunais paraibanos e em Brasília, mas teve todos os pedidos negados.

Mais cedo, o advogado de Luiz, Genival Veloso, teria dito que o mesmo teria desistido de se apresentar porque os familiares da vítima e a imprensa paraibana estavam presentes na porta do Fórum Criminal de João Pessoa.

O acusado se entregou por volta das 17h no Presídio Sílvio Porto, no bairro de Mangabeira. Essa é a unidade onde ele deve cumprir os 17 anos e seis meses de prisão.

O Crime

Luiz Paes era ex-namorado de Aryane Thaís, que foi encontrada morta às margens da BR-230 no dia 15 de abril de 2010. Exames feitos depois confirmaram que ela estava grávida do acusado. De acordo com os autos do processo, Luiz tinha se encontrado com Aryane na noite anterior a que o corpo foi encontrado, ainda segundo as investigações, na ocasião, o casal chegou a discutir por conta da gravidez indesejada.

Da Redação
Com TV Cabo Branco via Pbagora

Comentários


SIGA-NOS

Todos os direitos reservados - Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio

Copyright © 2017 - ExpressoPB - CNPJ: 10.962.007/0001-48