segunda, 16 de julho de 2018
SIGA-NOS

Conheça a história do artesão Jadiel Andrade que apresentou à EXPRESSO seu trabalho artesanal com recicláveis



Publicado em quarta-feira, junho 1, 2016 · Comentar 

Jadiel-fotomontagemJá imaginou aquelas moedas antigas que muitas vezes são jogadas no lixo, se transformarem em alianças de luxo? Ou um disco de vinil, embelezando sua sala em formato de relógio? Ou restos de arame e sobras de fios utilizados para enrolar cadeira de balanço se transformarem em arte?

Se você nem imaginou, agora pode conhecer os trabalhos feitos pelo artesão Jadiel Andrade, que usa esses objetos acima mencionados para dar forma as suas obras de arte.

Jadiel é de Mari – distante cerca de 60km de João Pessoa-, terra de grandes artistas, que assim como ele produzem suas artes, mas a falta de oportunidade faz com que estas fiquem no esquecimento.

EXPRESSO foi conhecer o trabalho de Jadiel e pôde constatar o talento indiscutível do rapaz. Balconista em uma loja de varejo, Diel – como é conhecido – usa as horas vagas para produzir artesanato.

O material reciclável é matéria prima de boa parte de sua produção: com talheres sem uso ele produz armaduras de personagens de desenhos animados, com discos de vinil vazados ele imprime gravuras de signos do zodíaco e de artistas famosos, já com pedaços de alumínio produz miniaturas de panelas de pressão, faz miniaturas de bicicletas com restos de arames e fios de cadeira de balanço, as motos e pequenos insetos como formigas e escorpiões são especialidades do jovem artesão.

Segundo Diel revelou a EXPRESSO, tudo começou em uma brincadeira, aos poucos foi produzindo e os amigos ao tomarem conhecimento de seus trabalhos passou a incentivá-lo.

Apesar de não conseguir se sustentar financeiramente com o trabalho artesanal, Diel disse que tem recebido muitas encomendas de alianças, as quais ele confecciona com medalhas antigas. Quem adquiriu um par de alianças com Diel, garante: “são lindas”. As luminárias feitas de PVC são outra especialidade e impressionam a quem vê.

O artista pretende realizar exposições e no futuro não esconde a intenção de trabalhar exclusivamente com o artesanato.

A inspiração? O artista diz que não vem da escola, vem da alma.

Os contatos com Jadiel Andrade para exposições, feiras e para adquirir alguns de seus produtos podem ser feitos pelo telefone (83) 99912-0745.

Veja alguns trabalhos realizados pelo artista:

Da Redação
Do ExpressoPB/Matéria da Revista EXPRESSO – Março-2016

Comentários


SIGA-NOS

Todos os direitos reservados - Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio

Copyright © 2017 - ExpressoPB - CNPJ: 10.962.007/0001-48