domingo, 23 de setembro de 2018
SIGA-NOS

Vereador taxa Cida de ‘candidata fabricada’, critica coletiva em horário de expediente e lamenta fim do convênio com AACD



Publicado em terça-feira, maio 3, 2016 · Comentar 

Marmuthe Cavalcanti 50O vereador Marmuthe Cavalcanti (PSD) se mostrou surpreso com o fato de uma secretária de Estado agendar uma coletiva de imprensa em pleno horário de expediente. “A secretária deveria estar trabalhando para tratar de questões importantes, como a suspensão do apoio à AACD, questão que demonstrou o mais completo desconhecimento em entrevistas. Ao contrário, preferiu abandonar a gestão para cuidar da eleição, como outros já fizeram em um passado recente e tiveram até de abandonar candidaturas”, diz.

De acordo com o vereador, “enquanto o prefeito trabalha, a pré-candidata fabricada faz coletiva em horário de expediente e mostra desconhecimento da suspensão de convênio com a AACD”. Ele também questionou o nível de desinformação da auxiliar sobre João Pessoa e até sobre a própria gestão do Governo do Estado.

“Além de dizer que desconhecia a suspensão do Governo com o convênio da AACD, em Campina Grande, a subordinada finge não ver o maior programa habitacional dos últimos anos em João Pessoa, como a construção de mais de três mil casas, nem o grande conjunto de obras realizadas pela Prefeitura, a exemplo do Novo Parque da Lagoa, as 20 Unidades de Saúde da Família e as 12 mil vagas asseguradas pelas 32 creches em tempo integral reformadas ou construídas”, reforçou.

Da Redação
Com Assessoria

Comentários


SIGA-NOS

Todos os direitos reservados - Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio

Copyright © 2017 - ExpressoPB - CNPJ: 10.962.007/0001-48