ExpressoPB

Guga Aragão confirma falta de agente de saúde em zona rural de Bananeiras, mas garante que prefeito resolverá a situação


Guga-AragãoO Presidente da Câmara Municipal de Bananeiras, no brejo, vereador Guga Aragão, concedeu entrevista na manhã desta quarta-feira (03) ao Jornal da 99 – 1ª Edição da Talismã FM de Belém, conforme previsto pelo radialista Rodrigo Costa e dentre vários assuntos abordados falou a respeito da denúncia de que no distrito de Cajazeiras não há agente de saúde atuando.

Segundo o parlamentar a agente de saúde do local está de licença sem remuneração por tempo indeterminado e apesar da prefeitura ter contratado outra pessoa, a mesma após algum tempo pediu para sair, mas que a prefeitura deve contratar uma outra pessoa para atuar logo após o carnaval, mas tardar até o final de fevereiro.

Guga Aragão negou que a zona rural da cidade esteja abandonada e exemplificou a situação do distrito de Vila Cordeiro, onde foi feito um loteamento e o proprietário não dotou o local de água, luz e calçamento conforme exige a lei, o que tem causado prejuízo para o município que tem que arcar com essas demandas, mas que ele, um outro parlamentar e a ex-prefeita Marta já teria visitado o local e encaminhado algumas cobranças dos moradores junto a prefeitura.

Avanços na Câmara – O presidente do legislativo bananeirense também falou sobre o trabalho dos vereadores e a sua atuação na câmara municipal.

Guga destacou a redução do recesso parlamentar que passou de 120 para apenas 60 dias, com dois intervalos de 30 dias cada, um no meio do ano e outro no final.

Ainda segundo o parlamentar as discussões realizadas na câmara são encaminhadas para o executivo que se transforma em melhorias para sociedade e destacou a organização do trânsito que está sendo feito pela prefeitura, que teve intensa discussão no plenário da casa.

Guga Aragão disse que na primeira sessão ordinária do ano ocorrida nesta terça-feira (02) mais de 50 proposituras já foram apresentadas e discutidas pelos senhores vereadores.

Da Redação
Do ExpressoPB

Comentários

Artigos relacionados

Leave a reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *