quarta, 18 de julho de 2018
SIGA-NOS

Socialista denuncia que PMJP dificulta a emissão de alvará de construção



Publicado em sexta-feira, janeiro 29, 2016 · Comentar 

RenatoMartinsO vereador Renato Martins (PSB) denuncia que a Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) está cobrando taxas extras e dificultando a emissão do alvará de construção.

Conforme o líder da oposição na Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP), a PMJP está complicando construtores de conseguir o alvará, independente da proporção das obras, solicitando uma licença pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semam) – que demora em torno de 30 dias para ser emitida –  e o valor cobrado para obter a licença pode ser entre  r$ 3 mil e r$ 5 mil com a taxa de serviço do despachante, e a emissão do alvará de contração que anteriormente chegava a três meses agora pode chegar a cinco meses. O parlamentar ressalta que o poder público deveria facilitar a vida dos cidadãos, comentando que já apresentou projeto de lei na CMJP para agilizar a expedição.

“É revoltante essa situação, quer dizer que quem constrói uma casa ou um prédio a burocracia é a mesma? É inadmissível isso, como pode a prefeitura dificultar? Em ano eleitoral tudo muda, não sei se é para conseguir mais verbas para a campanha ou por pura falta de boa administração municipal. Nós apresentamos projeto de lei para desburocratizar a emissão dos alvarás, precisa apenas ser sancionado pelo prefeito, pela boa vontade dele”, comentou.

Da Redação
Com Assesoria

Comentários


SIGA-NOS

Todos os direitos reservados - Proibida reprodução total ou parcial deste site sem aviso prévio

Copyright © 2017 - ExpressoPB - CNPJ: 10.962.007/0001-48