ExpressoPB

Prefeitura de Solânea cobra taxa por uso de ginásio, população denuncia e Walter Júnior critica gestão


IMG-20160122-WA0020O solanense Walter Júnior presidente do diretório do PMDB na cidade e pré-candidato a prefeito neste ano em Solânea denunciou, na manhã desta terça-feira (26), a cobrança de taxa pela prefeitura para que a população solanense possa usar o ginásio público de esportes da cidade ‘Adauto Silva’. Segundo o peemedebista boletos bancários emitidos pela prefeitura para quem deseja praticar algum esporte neste espaço público comprovam a cobrança ilegal da atual gestão.

De acordo com Walter, vários solanenses o procuraram revoltados com a medida da prefeitura que exige via boletos emitidos pela Secretaria de Administração e Finanças o desembolso de R$ 39 para quem deseje praticar algum esporte no local que foi construído com recursos públicos.

IMG-20160122-WA0021

Na visão de Walter a cobrança da taxa de R$ 39 para que o povo solanense possa praticar atividades esportivas na localidade é uma medida abusiva, tendo em vista que os recursos para a construção do ginásio foram públicos e que parcela da população não detém nesse momento de crise econômica, tais valores o que prejudica até a saúde do povo que detinha deste lugar para a realização dos seus exercícios. Além disso, essa medida é age na ação reversa de combate ao uso de drogas na cidade, principalmente pelos jovens.

“A temática sobre drogas deve ser discutida, pois  faz mal a tanta gente. Vejo o esporte como um dos meios mais rápidos na ajuda para quem usa ou usou drogas. E essa medida da prefeitura é irreversivelmente contrária a política de combate as drogas defendidas por mim no meu programa de governo colaborativo”, afirmou Walter Júnior.

Da Redação
Com Assessoria

Comentários

Artigos relacionados

Leave a reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *