ExpressoPB

Vereador realiza protesto reivindicando o retorno de integração no Colinas em JP


FB_IMG_1452902883378A Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) determinou o fechamento do terminal de integração no bairro Colinas do Sul há uma semana, devido ao encerramento das atividades na localidade os usuários de transportes públicos e moradores do bairro convidaram o vereador Renato Martins (PSB) para realizar uma manifestação solicitando a volta do equipamento à Superintendência de Mobilidade Urbana (Semob).

Durante o protesto, os manifestantes reivindicaram por melhores qualidades nos ônibus que atendem o bairro, um melhor atendimento – de acordo com os moradores as empresas que atendem precisam adequar os horários de tráfego – e a volta da integração. Os protestantes também queimaram pneus em forma de sensibilizar o poder público. “Esse protesto é para nossa melhoria, como pode a prefeitura fechar algo que é benefício para o povo? Preciso pegar quatro transportes por dia, como fica minha situação? A integração ajudava o bastante, agora terei que pagar mais duas passagens, em um ano de crise, não tá fácil para ninguém, a culpa é da prefeitura” disse Eron, morador do bairro.

O parlamentar que esteve presente no ato destacou a importância na volta do atendimento do espaço, e cobrou da Semob as devidas providências para que os clientes do serviço não fiquem prejudicados diante a atitude. Renato também ressaltou que não é lógico o possível aumento na tarifa dos transportes públicos, se não há qualidade no atendimento. “A Semob deveria defender a população, mas se nega. Eles diminuíram a frota de ônibus, e que o povo ande mais apertado apenas para aumentar o lucro. Importante que o povo se convença dos seus direitos. Uma das tarifas mais caras do país é a de João Pessoa, e ainda podendo sofrer um novo aumento, viemos aqui para solicitar ao poder público que solucione a situação. Temos direito de ter coletivos de qualidade, com ar condicionado, adaptado para deficientes, e sem aumentar o valor na tarifa. Toda luta pela humanização do transporte coletivo também é uma luta contra a precarização da vida”, protestou.

Da Redação
Com Assessoria

Comentários

Artigos relacionados

Leave a reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *